Festival de Cinema de Triunfo inicia 12ª edição com filmes, debates e oficinas

Evento realizado pela Secretaria de Cultura de Pernambuco, que ocorre até 10 de agosto, homenageia Kleber Mendonça Filho e Lívia Falcão

"Desvio" é um dos longas na mostra competitiva "Desvio" é um dos longas na mostra competitiva  - Foto: Divulgação

Durante seis dias, o Sertão do Pajeú abre espaço para um dos mais movimentados eventos do audiovisual pernambucano. Desta segunda-feira (5) até 10 de agosto, a região recebe a 12ª edição do Festival de Cinema de Triunfo, com direito a mostras competitivas, oficinas e debates. Promovida pela Secretaria de Cultura de Pernambuco, a programação reúne 33 filmes em competição, entre longas e curtas, selecionados entre 344 inscritos de diversos estados brasileiros.

Nesta edição, o festival homenageia dois pernambucanos: o cineasta Kleber Mendonça Filho e a atriz Lívia Falcão. "As homenagens são sempre simbólicas e mandam uma mensagem. E eu gosto que isso ocorra no momento em que os artistas estão sendo tão mal vistos no Brasil", comenta Kleber, cujo novo longa-metragem, "Bacurau", estreia no Recife no dia 24 de agosto, após vencer o Prêmio do Júri no Festival de Cannes. Para Lívia, a reverência ao seu trabalho foi uma grata surpresa. "Assim como o teatro, o cinema foi uma das minhas primeiras escolas. Eu tenho um amor muito profundo pelo fazer cinematográfico", revela.

"São dois pernambucanos que já têm um legado, apesar de jovens, que os colocam como referências no setor", afirma Gilberto Freyre Neto, secretário de cultura do Estado. A homenagem a Lívia ocorre na cerimônia de abertura do festival, enquanto Kléber será reverenciado no encerramento. As solenidades, assim como as exibições dos filmes, ocupam o Cineteatro Guarany, erguido na década de 1920.

Leia também:
Festival Agosto Cultural divulga programação completa
'Cinema pernambucano só surpreende', afirma Drica Moraes, homenageada da 23ª do Cine PE

Toda a programação é gratuita. Também há espaço na programação para atividades formativas. Com inscrições abertas até hoje, a oficina "Atuação orgânica – Laboratório de técnicas de atuação para o audiovisual" será ministrada pela atriz Márcia Lohss de 6 a 8 de agosto.

Kléber Mendonça Filho e Lívia Falcão

Kléber Mendonça Filho e Lívia Falcão - Crédito: Victor Jucá/Clara Falcão/Divulgação



As produções que participam das mostras competitivas concorrem a diversos prêmios, incluindo o troféu O Caretas, concedido aos filmes escolhidos pelos júris oficial e popular. Entre os concorrentes estão os longas "O que resta" (Fernanda Teixeira/RJ), "Desvio" (Arthur Lins/PB) e "Salustianos" (Tiago Leitão/PE); e os curtas "Parto sim!" (Katia Mesel/PE), "Pedro e o Velho Chico" (Renato Gaia/MG) e "Nova Iorque" (Leo Tabosa/PE).

O festival também traz sessões fora de competição, em parceria com projetos e instituições, como Festival VerOuvindo, Federação Pernambucana de Cineclubes, Sesc, Mostra Absurda e Criancine - Festival de Cinema Infanto-Juvenil.

"O Festival de Cinema de Triunfo traz a afirmação de que a política cultural para o campo do audiovisual em Pernambuco é, de fato, consolidada e reflete imediatamente na cadeia produtiva. Nós temos visto filmes de grandes diretores nossos sendo reconhecidos internacionalmente como produtos de excelente qualidade. Esse é o momento de colocar luz nos profissionais responsáveis por isso", diz Gilberto Freyre Neto.

Cepe

No período do festival, a Companhia Editora de Pernambuco (Cepe) estará com um espaço montado em frente ao Cineteatro Guarany. O local, batizado de Tenda Literária, servirá para abrigar debates sobre assuntos ligados à produção audiovisual. Os diálogos ocorrem sempre entre as sessões do festival, das 18h às 19h. Um dos destaques é a mesa "Políticas públicas de cinema e resistência", que reúne a produtora Emilie Lesclaux, a cineasta e jornalista Clara Angélica e a jornalista Luciana Veras, na próxima sexta-feira.

 

Veja também

Belutti diz ser desengonçado antes de estreia no Dança dos Famosos
Televisão

Belutti diz ser desengonçado antes de estreia no Dança dos Famosos

Compadre de Jojo Todynho é assassinado no Rio de Janeiro
Violência

Compadre de Jojo Todynho é assassinado no Rio de Janeiro