Cinema

'Fuga de Pretória' traz Daniel Radcliffe na pele de preso político

Filme é baseado na história de Tim Jenkin, que foi preso por ações contra o apartheid na África do Sul

Filme acompanha plano de fuga do protagonistaFilme acompanha plano de fuga do protagonista - Foto: Divulgação/TNT

Após entrar em cartaz em salas de cinema e drive-ins brasileiros no mês passado, “Fuga de Pretória” chega à televisão. O filme, dirigido por Francis Annan, estreia nesta sexta-feira (23), às 22h30, no canal por assinatura TNT. 

Baseado em uma história real, o drama traz o ator Daniel Radcliffe no papel de Tim Jenkin, ativista que ficou conseguido escapar de uma prisão de segurança máxima na África do Sul, em 1979. A inspiração é a autobiografia de Jenkin, que conta os detalhes da fuga. 

Os acontecimentos que o longa retrata ocorreram durante o período do apartheid. A luta contra esse terrível sistema de segregação racial, que durou de 1948 até 1999, teve na figura de Nelson Mandela o seu maior símbolo. O filme, no entanto, traz uma abordagem diferente, ao mostrar a presença de aliados brancos na oposição ao regime.

Em 1978, Jenkin foi preso por fabricar bombas caseira. Os artefatos apenas espalhavam panfletos de cunho político e com críticas ao governo, sem ferir ninguém. Mesmo assim, o ativista foi condenado há 12 anos em regime fechado. 

As questões raciais e a luta política não ganham profundidade ao longo da trama. O foco do drama é a busca de liberdade do protagonista e Stephen Lee (Daniel Webber), seu amigo e companheiro de luta. Chama atenção a engenhosidade do plano executado por Jenkin, que apenas observando as chaves carregadas pelos carcereiros conseguiu criar cópias utilizando sobras de madeira.  

No que diz respeito ao suspense, “Fuga de Pretória” presta um bom serviço. Sem precisar recorrer a grandes efeitos especiais, há cenas que criam um clima de tensão e fazem com que o espectador aguarde ansioso pelo desfecho (mesmo sabendo de antemão que o final será positivo para os personagens). 

Veja também

Nova temporada do "Vai que Cola": elenco está cheio de gás
Televisão

Nova temporada do "Vai que Cola": elenco está cheio de gás

Prêmio Delmiro Gouveia recebe 542 propostas para o Nordeste
Fundaj

Prêmio Delmiro Gouveia recebe 542 propostas para o Nordeste