Governador sanciona lei que cria o Dia da Ciranda em Pernambuco

Cerimônia no Palácio do Campo das Princesas oficializou o dia 10 de maio como Dia da Ciranda e anunciou os homenageados da 20ª Fenearte

Homenageados da Fenearte 2019: Dona Duda, Mestre Baracho (representado pelas filhas Dona Biu e Dona Dulce) e Lia de ItamaracáHomenageados da Fenearte 2019: Dona Duda, Mestre Baracho (representado pelas filhas Dona Biu e Dona Dulce) e Lia de Itamaracá - Foto: Ed Machado/Divulgação

A lei que cria o Dia Estadual da Ciranda foi sancionada na tarde desta sexta-feira (10) pelo governador Paulo Câmara, em cerimônia no Palácio do Campo das Princesas. O evento contou com a presença de cirandeiros, representantes do poder público, jornalistas e convidados.

“A partir de agora fica marcado. Todo dia 10 de maio, o povo pernambucano está convocado a celebrar a cultura do nosso estado por meio de um de suas manifestações mais bonitas”, afirmou o governador em seu pronunciamento.

A data escolhida faz referência ao nascimento de Mestre Baracho, que faleceu em 1988. Dona Dulce e Dona Biu, filhas do homenageado, também participaram da solenidade. A Lei nº 77, que institui a nova data no calendário pernambucano, é de autoria do deputado estadual Waldemar Borges (PSB).

Leia também:
Lia de Itamaracá festeja 75 anos com exposição e festa
Forró mais perto de virar Patrimônio Cultural do Brasil
Inscrições abertas para Registro do Patrimônio Vivo de Pernambuco


Durante a cerimônia de assinatura, também foram divulgados oficialmente os nomes dos homenageados da 20ª edição Fenearte, que ocorre entre os dias 3 e 14 de julho. Representando a ciranda, a feira reverencia as figuras Lia de Itamaracá, Mestre Baracho e Dona Duda. Após o anúncio, o evento foi encerrado com uma grande ciranda, que tomou conta do pátio da sede do poder executivo de Pernambuco.

Veja também

The Voice+: Reality musical com talentos acima de 60 anos começa cheio de emoção
The Voice

The Voice+: Reality musical com talentos acima de 60 anos começa cheio de emoção

Nego do Borel apela para discurso religioso após acusações de agressão
Religiosidade

Nego do Borel apela para discurso religioso após acusações de agressão