Influenciador diz que quase morreu ao ficar preso em lago congelado

'Eu nunca estive tão perto de morrer. Eu não achei que meus olhos congelariam tão rápido'

Jason Clark em um dos mergulhos no lago congeladoJason Clark em um dos mergulhos no lago congelado - Foto: Reprodução/Instagram

O influenciador digital Jason Clark contou aos seus seguidores que quase morreu ao gravar um vídeo para o seu canal na rede social Tik Tok, plataforma onde tem 400 mil seguidores.

Em uma publicação no Instagram, ele contou que mergulhou sob uma camada de gelo em um lago congelado, mas acabou ficando preso ao perder a localização do buraco para sair da água.

"Eu nunca estive tão perto de morrer. Eu não achei que meus olhos congelariam tão rápido. A superfície da água onde o buraco estava não era diferente da parte coberta por gelo. Quando eu virei de costas e senti gelo eu achei que estava no buraco. Como não estava, resolvi voltar e seguir a poeira que levantei", afirmou ele.

Leia também:
TikTok: mania entre os brasileiros e os pernambucanos
Novo desafio do Tik Tok pode levar à morte, alerta bombeiro

Segundo o relato de Clark, ele tentou quebrar o gelo com as costas. "Eu não sei o que me fez virar mais uma vez. Eu estava tão sem ar que não conseguia mais enxergar. Eu havia aceitado que era o fim e eu não ia sobreviver. Eu balancei a mão em uma parte que achei ser uma parte mais fina de gelo e ela ela saiu da água", completou.

"Então juntei um monte de energia para levantar. Demorei umas duas ou três respiradas para recuperar a visão depois de sair da água. A Abby estava filmando. Como faço muitas piadas, ela achou de verdade que eu estava brincando e não percebeu a seriedade da situação", conclui.

Veja também

Justiça dá medida protetiva a Steven Spielberg contra fã que o ameaça de morte
Famosos

Justiça dá medida protetiva a Steven Spielberg contra fã que o ameaça de morte

Anitta e Ludmilla usam tops iguais, mas com diferença de R$ 10 mil no 'look'
Celebridades

Anitta e Ludmilla usam tops iguais, mas com diferença de R$ 10 mil no 'look'