'Irmandade' é produção nacional na Netflix

Em oito episódios, série vai mostrar o surgimento de uma facção criminosa dentro de uma unidade penitenciária

Produção foi rodada em um setor desativado da Penitenciária Estadual de Piraquara, em CuritibaProdução foi rodada em um setor desativado da Penitenciária Estadual de Piraquara, em Curitiba - Foto: Divulgação

Série original brasileira, “Irmandade” teve sua estreia mundial na Netflix na última sexta-feira (25), passando a ficar disponível na plataforma de streaming. Em oito episódios, a série apresenta a história de Cristina (Naruna Costa), Edson (Seu Jorge), Darlene (Hermila Guedes), Ivan (Lee Taylor), Andrade (Danilo Grangheia), Carniça (Pedro Wagner) e Marcel (Wesley Guimarães), entre outros personagens, mostrando como suas vidas acabam interligadas pelo crime.

A narrativa de “Irmandade” é contada pelo ponto de vista de Cristina e Edson, dois irmãos que vivem em realidades tão diferentes e ao mesmo tempo tão próximas. Cristina, uma advogada honesta e dedicada, descobre que Edson, seu irmão que foi preso quando ela ainda era criança, é hoje o líder de uma facção criminosa em ascensão - conhecida como “Irmandade”, forjada dentro da própria prisão.

Leia também:
Gravada em presídio, série da Netflix mostra nascimento de facção criminosa
Com Seu Jorge, série 'Irmandade' tem trailer divulgado pela Netflix
Série de Carlos Saldanha pra a Netflix começa a ser gravada no Brasil

Para salvar a própria pele após cometer um crime, ela é forçada pela polícia a virar informante e trabalhar contra o próprio irmão. Ao se infiltrar na Irmandade, em uma missão arriscada e perigosa, ela entra em contato com seu lado mais sombrio, e começa a questionar suas próprias noções de Justiça. A história é ambientada na cidade de São Paulo, nos anos 1990.

 

Naruna Costa e Seu Jorge interpretam os irmãos protagonistas Cristina e Edson

Naruna Costa e Seu Jorge interpretam os irmãos protagonistas Cristina e Edson - Crédito: Divulgação

 

Parte da nova produção foi rodada em um setor desativado da Penitenciária Estadual de Piraquara, em Curitiba. O pavilhão ao lado, porém, ainda funcionava normal e os detentos podiam avistar as gravações pela janela. As cenas no presídio contextualizam a jornada de Cristina após se infiltrar na Irmandade para entregar os cabeças da operação. Criada por Pedro Morelli, que também assina a direção-geral, “Irmandade” tem produção de Andrea Barata Ribeiro e Bel Berlinck, além de Morelli, e conta com Felipe Sant'Angelo como roteirista-chefe.

Como parte de uma ação visando atrair novos assinantes, a Netflix disponibiliza gratuitamente o primeiro episódio da série até o dia 22 de novembro. Para acessar o conteúdo, não será necessário fazer nenhum tipo de cadastro, nem mesmo aquele que é solicitado para novos clientes que experimentem o serviço por um mês grátis. “Irmandade” será exibida em 190 países. Os oito episódios têm duração de 50 minutos cada.

Veja também

'Fazer o certo requer coragem', diz Dani Calabresa sobre acusações contra Marcius Melhem
Assédio

'Fazer o certo requer coragem', diz Dani Calabresa sobre acusações contra Marcius Melhem

Mais de 40 filmes de terror nacionais são exibidos em mostra online
Cinema

Mais de 40 filmes de terror nacionais são exibidos em mostra online