Coronavírus

Joelma diz que teve pulmão, visão e mente afetadas pela Covid-19

Ela avaliou que ainda falta um pouco para se sentir completamente recuperada

JoelmaJoelma - Foto: Divulgação

Joelma, 46, contou que segue com sequelas geradas pela Covid-19, doença causada pelo coronavírus. A cantora revelou em agosto que tinha sido diagnosticada com a doença.

"Foi muito sério, senti praticamente tudo", afirmou durante entrevista ao Altas Horas (Globo). "Afetou minha visão, minha mente e meu pulmão. Tive muita dificuldade de lembrar de coisas simples. Agora, estou tratando das sequelas do pulmão: fazendo exercícios para ele funcionar."

Ela avaliou que ainda falta um pouco para se sentir completamente recuperada. "Já estou bem melhor", contou. "No começo, eu não conseguia cantar porque ficava muito cansada. Agora, já consigo. Não estou 100%, mas estou 90%. Eu chego lá."

Sem fazer shows há mais de seis meses, ela diz que sente falta do contato com o público. "Tenho uma rotina depois de cada show: distribuo 50 pulseiras para o fã clube para atender no hotel", relatou. "Ali a gente bate papo, tira foto... É o nosso momento."

A cantora também lembrou dos tempos em que morava em Almeirim, que fica a 36 horas de barco de Belém (PA), onde nasceu e cresceu. A mãe e os irmãos dela ainda moram na cidade.

"Foi maravilhoso, eu dizia que nunca ia sair daquele lugar", afirmou. "Porque o Amazonas era minha piscina particular. Tinha toda liberdade do mundo, amava essa liberdade. Me sentia um passarinho fora da gaiola."

Veja também

Equipe de Raissa Barbosa toma providências após divulgação de imagem íntima
A fazenda

Equipe de Raissa Barbosa toma providências após divulgação de imagem íntima

Whitney Houston se torna a primeira artista negra a conseguir três discos de Diamante
música

Whitney Houston se torna a primeira artista negra a conseguir três discos de Diamante