streaming

Jogo sobre a Yakuza será transformado em série no Prime Video

Serie é inspirada pela saga de games da Sega

Saga de games da Sega vira série; Like a Dragon: Yakuza Saga de games da Sega vira série; Like a Dragon: Yakuza  - Foto: X/Reprodução

Inspirada pela saga de games da Sega, a série Like a Dragon: Yakuza será lançada em 25 de outubro, no Prime Video. O anuncio foi feito na terça-feira (4), sem se definir o total de episódios. O personagem principal será interpretado pelo ator Ryoma Takeuchi e a direção é de Masaharu Take. E a história se desenvolve entre 1995 e 2005, com cenas de ação marcadas por muito suspense.

"O público vai gostar do drama humano e do conflito que se desenrola em torno de Kazuma Kiryu, além das cenas de luta intensas de Kiryu com a tatuagem de dragão nas costas", antecipou Takeuchi em comunicado à imprensa.

 

Com dez títulos, o primeiro em 2005 e o último em 2021, a franquia foi desenvolvida e pensada para o PlayStation 2, mas hoje roda na maioria dos consoles, até nos portáteis.

Na história, após seu melhor amigo (Akira Nishikiyama) assassinar o chefe Yakuza Sohei Dojima, Kiryu assume o crime e fica preso por dez anos. Quando é solto, Kiryu descobre que 10 bilhões de ienes foram roubados do banco privado do seu antigo clã.

No Japão, uma das revistas mais tradicionais na cobertura de games, e em geral rigorosa, a Famitsu, elogia a série - o título Like a Dragon: Infinite Wealth recebeu a nota máxima. Com esse histórico, o Prime Video tem uma grande responsabilidade em agradar aos fãs.

Mas, enquanto a série se apropria do título do último lançamento da franquia, a marca optou por retirar o termo Yakuza. Um representante da Sega afirmou que o novo nome será Ryga Gotoku - em português, "Como um Dragão".

Veja também

Ex-Pânico Carlinhos "Mendigo" é enviado para centro de detenção em Guarulhos
Carlinhos "Mendigo"

Ex-Pânico Carlinhos "Mendigo" é enviado para centro de detenção em Guarulhos

Edifícios icônicos de Artacho Jurado levam cor ao centro de São Paulo
ARQUITETURA

Edifícios icônicos de Artacho Jurado levam cor ao centro de São Paulo

Newsletter