Kabum vence Flamengo por 3 a 0 e é campeã da primeira etapa do CBLoL

A equipe comemorou a vitória no Twitter, agradecendo a todos que torceram por eles

KaBuM!, campeã do CBLoL 2020 - 1ª etapaKaBuM!, campeã do CBLoL 2020 - 1ª etapa - Foto: Riot Games Brasil/Divulgação

A equipe Kabum vence o Flamengo por 3 a 0 e é a campeã da primeira etapa do Campeonato Brasileiro de League of Legends (CBLoL) disputado neste sábado (9). Em uma competição Md5 (melhor de cinco), os dois times disputaram a rodada que acumulava R$ 200 mil em prêmios.

A equipe comemorou a vitória no Twitter, agradecendo a todos que torceram por eles. "Um Split espetacular, com muitas superações. E como dizem, o CBLoL não pode parar, e não paramos! Somos tetracampeões e agrademos toda nossa torcida Ninja, que sempre acreditou e nos apoiou, nossa equipe, staff e patrocinadores. Aproveitem, Ninjas, o título é nosso!", diz o post.

Leia também:
Conheça ‘VALORANT’, novo jogo da Riot Games
Quarentena traz lucro para grandes estúdios de games, mas penaliza os pequenos


As competições do CBLoL estiveram suspensas até o início de abril por conta da pandemia do novo coronavírus, e retornaram em formato online, com operação de transmissões remota, a fim de proteger os envolvidos.

Em comunicado escrito por Cacophonie, líder de Esports da Riot Games no Brasil, a empresa afirmou que foram enviados equipamentos para a casa de seus parceiros, assim como foram adquiridos novos softwares para ajudar a tornar remoto o fluxo de trabalho de produção e transmissão de conteúdo.

A fim de garantir a saúde e segurança dos jogadores, equipes e fãs, a Riot também decidiu por cancelar a MSI (torneio internacional de League of Legend) em 2020. Já as datas do 2º split devem ser anunciadas em breve.

Veja também

Fiuk, Viih Tube e Projota são os participantes do BBB 21 mais comentados do Twitter
Reality

Fiuk, Viih Tube e Projota são os participantes do BBB 21 mais comentados do Twitter

Rafinha Bastos precisará apagar vídeos contra Marcius Melhem sob pena de R$ 500 ao dia
Polêmica

Rafinha Bastos precisará apagar vídeos contra Marcius Melhem sob pena de R$ 500 ao dia