Famosos

Kelly Clarkson pode ter de pagar mais de R$ 2 milhões mensais ao ex após divórcio

Na Califórnia, o cônjuge de maior renda deve pagar um maior valor ao outro pela metade do tempo em que ficaram juntos

Kelly ClarksonKelly Clarkson - Foto: Reprodução / Instagram

Ex-marido da cantora e apresentadora Kelly Clarkson, 38, o empresário americano Brandon Blackstock, 43, pleiteia na Justiça receber uma pensão da ex que pode chegar a R$ 2,3 milhões ao mês. A princípio, ele tinha o direito de receber o equivalente a R$ 750 mil, mas agora acredita que pode receber mais.

Isso acontece porque na Califórnia, nos Estados Unidos, o cônjuge de maior renda deve pagar um maior valor ao outro pela metade do tempo em que ficaram juntos, e essa pessoa mais abastada sempre foi Clarkson.

De acordo com o site The Hollywood Life, o ex-casal, que tem dois filhos de 6 e 4 anos e se divorciou em junho de 2020, luta na Justiça nesse momento. "Além disso, ele já pediu US$ 2 milhões para honorários advocatícios quando é ele quem está aumentando o custo do divórcio com sete advogados apenas o representando sozinho", disse uma fonte à publicação.

Uma advogada local consultada pelo site disse que a briga do empresário para que o valor seja pago integralmente é válida. "A Califórnia tem um dos maiores apoios às diretrizes em todos os 50 estados, baseado na renda. Então, sim, dependendo do salário de Kelly (que deve ser na casa dos milhões), seu pedido parece correto", disse ao site.


Kelly e Brandon ficaram casados por quase sete anos e o fim da relação se deu por "diferenças irreconciliáveis". O noivado do casal aconteceu após apenas dez meses de namoro, em dezembro de 2012, e a cerimônia ocorreu em uma fazenda do Tennessee no dia 20 de outubro de 2013.

Kelly já chegou a dizer que seu casamento com o empresário era como "um conto de fada". Brandon virou tema de algumas músicas dela como "Piece By Piece".

A revelação de que o enlace havia chegado ao fim foi dado por ela mesmo durante seu talk show no canal NBC, em setembro de 2020. "Como você provavelmente sabe, 2020 trouxe muitas mudanças também para minha vida pessoal. Definitivamente, não vi nada do que aconteceu, mas o que estou lidando é difícil, envolve mais do que apenas meu coração, envolve muitos pequenos corações", comentou à época.

Veja também

Renata Sorrah será a nova vilã da continuação de 'Verdades Secretas'
Streaming

Renata Sorrah será a nova vilã da continuação de 'Verdades Secretas'

Morre icônico jornalista dos EUA Larry King, de Covid-19
Coronavírus

Morre icônico jornalista dos EUA Larry King, de Covid-19