Leonard Cohen lança "You Want It Darker", 14º álbum da carreira

Canadense volta ao mercado fonográfico com sua voz grave e suas melodias profundas e marcantes

Urna eletrônicaUrna eletrônica - Foto: Elza Fiúza/Agência Brasil

O novo disco do cantor canadense Leonard Cohen, intitulado “You Want It Darker”, foi lançado nesta sexta-feira (21) nas plataformas de streaming como Tidal e Spotify, nas lojas online de música como iTunes e nos pontos físicos. A faixa-título é single da obra e fala - com o tom profundo do cantor, compositor e poeta, de voz grave e cavernosa, que se for preciso trazer a escuridão, as chamas serão apagadas. Fazendo alusão ao fato de que se for necessário sentir a intensidade do amor, não haverá resistência. “Um milhão de velas queimando por um amor que nunca veio”, explana parte da letra.

O álbum é o 14º da carreira do cantor, que começou como poeta e só na década de 60, quando já tinha passado dos 30 anos de idade, liberou seu primeiro projeto de músicas autorais gravadas em estúdio, o “Songs Of Leonard Cohen”. O artista acusou seu ex-empresário de subtraiu suas economias, o deixando à deriva da ajuda de terceiros. O material novo, que foi produzido pelo filho de Leonard, Adam Cohen, tem nove canções e pretende levantar recursos para preencher as lacunas na vida profissional e pessoal do intérprete.

“You Want It Darker” segue uma linha de melodias sombrias, lentas e bem pontuadas da primeira até a última faixa da obra. A voz de Cohen permanece serena e precisamente bem colocada nota a nota. A segunda música do repertório, “Treaty” fala sobre um relacionamento praticamente improvável. “Queria que houvesse um acordo entre o meu amor e o seu”, canta o artista de 84 anos. Em “It Seemed The Better Way” a melodia propõe a receita clássica das baladas características do jazz, por exemplo. Para finalizar, a segunda canção do álbum se repete, mas dessa vez com uma grande introdução ao violino.

Durante a carreira recheada de recessos, Cohen se reservou em um retiro budista, chegando a mudar seu nome para Dharma, que pode significar ‘Silencioso’, ele estudou a doutrina e praticou a escrita. O artista, que lançou mais de 10 livros antes de entrar para a música, fez parceria com o astro britânico Elton John na faixa “Born To Lose” de 1993, presente no álbum “Duets” do intréprete de “Your Song”. Confira o clipe (com letra) da música "You want it darker": 

Veja também

Demi Lovato será a apresentadora do People's Choice Awards 2020
Premiação

Demi Lovato será a apresentadora do People's Choice Awards 2020

Anitta, Gagliasso, Emicida e mais famosos criticam Bolsonaro e privatização da saúde
Brasil

Anitta, Gagliasso, Emicida e mais famosos criticam Bolsonaro e privatização da saúde