Letrux apresenta 'Noite de Climão' no Baile Perfumado

Cantora e compositora Letrux é uma das atrações, nesta sexta-feira (18), do 'Bailito' junto a Luisa e os Alquimistas e MC Ririca

A cantora e compositora Letícia Novaes apresenta seu projeto LetruxA cantora e compositora Letícia Novaes apresenta seu projeto Letrux - Foto: Sillas Henrique/Divulgação

Para a carioca Letrux, cantora e compositora, a cor vermelha possui múltiplos significados: é paixão, drama, tesão. Em tempos de "verde e amarelo", Letícia Novaes não esconde - e não teme - usar essa cor. "Amo esses tons, mas se tornou meio perigoso usá-los, prefiro o vermelho mesmo, se é que você está me entendendo", brinca a cantora, por telefone. Após sua apresentação na prévia Guaiamum Treloso Rural no início do ano, o vermelho de Letrux preenche, nesta sexta-feira (18), o palco do Baile Perfumado, localizado no bairro do Prado.

A cantora terá maior liberdade para trazer o espetáculo completo do seu disco "Letrux em Noite de Climão", lançado em 2017 e que causou alvoroço no cenário musical brasileiro. O show faz parte do projeto do Baile Perfumado chamado "Bailito", que traz intervenções como varanda ao ar livre, uma nova decoração e painel com grafitagem assinado pelo projeto Sopa de Letras. A noite de apresentações também conta com nomes como a potiguar Luisa e os Alquimistas e a pernambucana MC Ririca.

Talvez "Letrux em Noite de Climão" tenha sido o grande álbum brasileiro do ano passado. A crítica especializada rasgou elogios ao trabalho solo de Letícia, que vinha há dez anos à frente do duo "Letuce", que mantinha com o músico Lucas Vasconcellos. No "Noite de Climão", Letrux mescla inúmeras sonoridades, principalmente do pop das décadas de 1970, 1980 e 1990.



Chamou a cantora Marina Lima - que admite ser uma inspiração para o seu trabalho - para dividir os vocais na faixa "Puro Disfarce". "Ela é incrível, foi a realização de um sonho trabalhar com Marina. Lá fora temos Madonna, no Brasil nós temos Marina Lima como exemplos de mulheres modernas, sempre à frente do tempo", elogia.

Falando da "Rainha do Pop", Letrux presta tributo a Madonna neste fim de semana na Virada Cultural de São Paulo, em homenagem aos 60 anos da cantora estadunidense. "E quem sabe que não cante uma ou duas dela aí com vocês?", diz em tom de mistério.

Leia também:
Indústria musical registra crescimento recorde de vendas em 2017
Consumo de música na internet muda a forma de distribuição e lançamento de novos discos


Com avô pernambucano, Letrux possui forte conexão com o Estado. "Já curti muito Carnaval aí quando era mais nova, me sinto em casa", comenta. A cantora promete um show mais teatral, casando com a nova proposta do Baile Perfumado. "Com essas mudanças proporcionadas pelo espaço, sentimos a necessidade de convidar Letrux para estrear. Ela é o sinônimo de modernidade que temos na música atual", afirma Felipe Cabral, produtor e um dos sócios do Baile Perfumado.

Serviço:
Climão no Bailito com Letrux (RJ), Luisa e os Alquimistas (RN) e MC Ririca (PE)
Hoje (18), a partir das 22h
No Baile Perfumado (rua Carlos Gomes, 390, Prado)
R$ 100 / R$ 50 (meia-entrada) / R$ 60 (social)
Telefone: (81) 3033-4747

 

Veja também

Joelma vira heroína em clipe de 'Coração Vencedor': 'Você pode ser o que quiser'
Música

Joelma vira heroína em clipe de 'Coração Vencedor': 'Você pode ser o que quiser'

Chay Suede e Laura Neiva esperam segundo filho, diz site
Celebridades

Chay Suede e Laura Neiva esperam segundo filho, diz site