Livro sobre prisão da banda russa Pussy Riot será lançado no Recife

Maria Alyokhina, autora da publicação e integrante do grupo, participará do evento, que ocorre no Cinema São Luiz, nesta sexta-feira

Pussy RiotPussy Riot - Foto: Divulgação

A ativista política Maria Alyokhina, integrante do grupo de punk rock feminista russo Pussy Riot, estará no Recife para o lançamento do livro “Riot Days”. O evento ocorre nesta sexta-feira (7), a partir das 17h30, no Cinema São Luiz, e contará com roda de conversa entre movimentos feministas locais e exibição de filme “Act and Punishment”, seguido de debate.

Em fevereiro, a banda fez uma apresentação não autorizada em uma igreja ortodoxa de Moscou. O episódio, que levou as artistas a serem presas, é o ponto de partida do livro escrito por Maria. Na publicação, a autora faz um relato dos quase dois anos em que passou presa em uma colônia penal, sem comunicação com a família e submetida a trabalho forçado.

O evento de lançamento terá acesso gratuito, mas é preciso retirar o ingresso na portaria do cinema uma hora antes do início. A programação terá uma roda de conversa com o Coletivo Liberta Elas e a Rede Nacional de Feministas Antiproibicionistas (RENFA), quando serão lançados dois cordéis da coleção Pandemia (n-1 edições): “Engaiolaram-nos” e “Sobre(viver)”, escritos por mulheres que passaram pelo sistema prisional brasileiro.

Leia também:
Rosto de Bolsonaro feito de lixo estampa pôster da banda russa Pussy Riot no Brasil
Livro mostra curiosidades de bastidores da censura em 'Roque Santeiro'


Após o bate-papo, às 19h, será exibido o documentário “Act and Punishment”, que conta a trajetória das ativistas na sala do cinema. O debate com a escritora e outras integrantes dos grupos convidados ocorre logo depois, com a mediação de Ingrid Farias (RENFA).

Veja também

Gusttavo Lima parabeniza Andressa Suita, e seguidores torcem por reconciliação
Celebridades

Gusttavo Lima parabeniza Andressa Suita, e seguidores torcem por reconciliação

Daniel Adjuto assume a bancada do Live CNN após saída de Phelipe Siani
CNN

Daniel Adjuto assume a bancada do Live CNN após saída de Phelipe Siani