televisão

Maju Coutinho critica lógica racista de que 'preto parado é suspeito e correndo é culpado'

Afirmação foi feita após reportagem sobre prisão injusta de homem negro

Maju Coutinho na apresentação do 'Jornal Hoje'Maju Coutinho na apresentação do 'Jornal Hoje' - Foto: Divulgação/TV Globo

A jornalista Maju Coutinho, 42, criticou na tarde desta quinta (22), durante o Jornal Hoje, da Globo, o fato de um homem negro ter passado quase três anos preso injustamente. "Tem que mudar essa lógica de que preto parado é suspeito e correndo é culpado, isso tem que mudar"", afirmou ela, ao final de reportagem sobre o assunto. O jovem de 26 anos foi solto na madrugada desta quinta.

A frase gerou grande repercussão nas redes sociais, e alçou o nome de Maju Coutinho aos assuntos mais comentados no Twitter. Muitos internautas elogiaram o posicionamento da jornalista. "Maju Coutinho simples e objetiva", comentou um deles na rede social.
 



"Eu vejo o Jornal Hoje não para me martirizar com as notícias sempre péssimas, mas sim para observar a grandeza de Maju Coutinho e seus comentários sempre sensacionais", disse outra internauta.

Segundo reportagem do telejornal, Lucas Moreira de Souza chegou a ser condenado a quase 80 anos de prisão por uma série de assaltos. Depois de quase três anos preso, nesta semana, a Justiça do Distrito Federal reverteu a condenação contra ele após policiais do caso procurarem a Defensoria Pública para dizer que havia inconsistências nas provas.

Veja também

Espetáculo 'Se eu não vejo' estreia temporada com sessões via WhatsApp
Teatro online

Espetáculo 'Se eu não vejo' estreia temporada com sessões via WhatsApp

JUNTAS solicitam virtualização de inscrições dos editais de Cultura em Pernambuco
Projeto de Lei

JUNTAS solicitam virtualização de inscrições dos editais de Cultura em Pernambuco