A-A+

CINEMATECA

Mario Frias diz que solicitou perícia para verificar se incêndio na Cinemateca foi criminoso ou não

Secretário especial da Cultura afirmou que solicitou perícia da Polícia Federal

Incêndio em galpão da CinematecaIncêndio em galpão da Cinemateca - Foto: Ronaldo Silva/Futura Press/Folhapress

O secretário especial da Cultura, Mario Frias, afirmou que solicitou perícia da Polícia Federal para verificar se o incêndio em depósito da Cinemateca Brasileira, em São Paulo, "foi criminoso ou não".

"Já solicitei a perícia da Polícia Federal, que irá tomar as devidas providências para verificar se o incêndio na Cinemateca foi criminoso ou não. Tenho compromisso com o acervo ali guardado, por isso mesmo quero entender o que aconteceu", escreveu Frias em suas redes sociais.

A Secretaria Especial da Cultura já havia divulgado nota sobre o incidente. Nela, a pasta afirma que "lamenta profundamente" o incêndio e que acompanha de perto a situação.

A secretaria diz ainda que todo o sistema de climatização do espaço passou por manutenção há cerca de um mês, "como parte do esforço do governo federal para manter o acervo da instituição".

O secretário especial de Cultura, Mario Frias, e seu braço direito, André Porciuncula, chegaram nesta quarta-feira (28) a Roma, na Itália, para Conferência dos Ministros da Cultura do G20.

Veja também

Nego do Borel é expulso de A Fazenda 13
FAMOSOS

Nego do Borel é expulso de A Fazenda 13

Carros de 'Mad Max: Estrada da Fúria' são leiloados na Austrália
Leilão

Carros de 'Mad Max: Estrada da Fúria' são leiloados na Austrália