MC Troia e Leozinho SP fortalecem conexão Recife-São Paulo com brega-funk; veja vídeo

MC Leozinho SP, conhecido pela música 'Brisei, gostei', lança, nesta sexta-feira (7), o clipe 'Aquecimento do bumbum', fruto da parceria com MC Troia

Gravação do clipe "Aquecimento do bumbum", fruto de uma parceria do MC Troia e MC Leozinho SP, foi gravado no último dia 23 e contou com a participação de grupos de dança do RecifeGravação do clipe "Aquecimento do bumbum", fruto de uma parceria do MC Troia e MC Leozinho SP, foi gravado no último dia 23 e contou com a participação de grupos de dança do Recife - Foto: Jose Britto / Folha de Pernambuco

Apesar de ter sofrido resistências, o brega-funk rompeu as barreiras da periferia recifense e se espalha pelo Brasil com suas batidas dançantes. Após a repercussão nacional estabelecida pelo hit do Carnaval deste ano através de um vídeo caseiro, MC Loma e as Gêmeas Lacração não só criaram uma ponte Nordeste-Sudeste, mas também prepararam o cenário musical para receber a geração mirim no ritmo. Leonardo Parussi Camacho Nunes, de 13 anos, o MC Leozinho SP, é um bom exemplo dessa expansão. O cantor e compositor paulista se apresenta pela primeira vez no Recife nesta sexta-feira (7) no N.B. Society, na Bomba do Hemetério, e no Lounge Music, em Piedade, e aproveita para lançar, junto com MC Troia, seu novo clipe, fruto da parceria dos dois artistas. Clique aqui e confira o videoclipe.

Intitulado de “Aquecimento do bumbum”, o vídeo foi gravado no último dia 23 no Marco Zero, no Recife Antigo, a convite de Troinha, como é conhecido pelos fãs, e conta com a produção de Thiago Gravações e Mano DJ, os dois produtores mais destacados deste cenário no Recife e em São Paulo, respectivamente. Para Leozinho SP, que canta profissionalmente desde os 8 anos, o lançamento do novo vídeo representa a consolidação da sua carreira no brega-funk. “Já me considero cantor do ritmo musical e, com o lançamento do clipe, acredito que vamos conquistar ainda mais o Brasil inteiro. Quero ver esta música tocar o verão todo até o Carnaval”, apostou esperançoso. O videoclipe “Aquecimento do bumbum” conta com a participação de dançarinos de zumba e grupos de dança. A produção será lançada às 12h desta sexta-feira (7) no canal Thiago Gravações e Mano DJ, no YouTube.

Confira os bastidores da gravação do videoclipe “Aquecimento do bumbum”:



O artista mirim ficou conhecido pela música “Brisei, gostei”, que quase atingiu 10 milhões de visualizações no YouTube e viralizou não só em São Paulo, mas também no Nordeste, já que o gênero é originalmente recifense. Assim como MC Loma, que inspirou seu processo de consolidação na indústria musical através do projeto CheckMate, de Anitta - que consiste no lançamento de clipes periódicos -, Leozinho SP também procura estratégias para se firmar nesse mercado através dos vídeos. “Eu e o Troia tivemos a ideia de lançar nossa produção musical junto com o clipe porque achamos que a música bomba mais com o vídeo junto. Acreditamos que assim chama mais atenção”, ressalta.

Leia também
MC Troia grava clipe no Marco Zero com MC Leozinho SP; veja vídeo
Cardápio de prévias, camarotes e shows para aproveitar o Carnaval 2019
Nasce o segundo filho do MC Troinha


 

   Nacionalização do brega-funk

O pesquisador de cultura pop e professor da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) Thiago Soares ajudou a entender o processo de fortalecimento do brega-funk pelo audiovisual. Para ele, a estratégia de usar videoclipes neste gênero musical para atingir maior público é antiga e funciona como ferramenta de expansão, já que os vídeos são compartilhados na internet. “Isso não é efetivamente novo. Os videoclipes são uma ferramenta fundamental no brega e o brega-funk, que é um subgênero desse ritmo, é muito pautado pela norma de circulação do YouTube. Então, isso funciona como uma engrenagem midiática central na consolidação deste estilo”, explicou o pesquisador.


Com a exportação do brega-funk para além do território pernambucano, o ritmo tem apostado em artistas cada vez mais adolescentes. O sucesso de Leozinho SP passa agora a somar forças ao talento de MC Loma, 16, MC Bruninho, 11, e MC Ruanzinho, 15, para a nacionalização do gênero. “Com o sucesso de MC Loma, que na época tinha 15 anos, o brega começa a passar por um processo intenso de ‘jovialização’. Ela trouxe à tona uma dimensão teen (adolescente) para o gênero e isso certamente é um impulsionador para que essas figuras infantis continuem operando no brega-funk atualmente”, concluiu o pesquisador.

Veja também

Nego do Borel apela para discurso religioso após acusações de agressão
Religiosidade

Nego do Borel apela para discurso religioso após acusações de agressão

Comparada a Satanás, Andressa Urach critica pastores da Universal
Polêmica

Comparada a Satanás, Andressa Urach critica pastores da Universal