Morre aos 93 anos Reynaldo Miravalles, lenda do cinema cubano

Nascido em Havana em 1923, o ator estreou na rádio em 1944, e oito anos depois na televisão

Paulo CâmaraPaulo Câmara - Foto: Maria Nilo/Folha de Pernambuco

Reynaldo Miravalles, considerado um dos melhores atores cubanos de todos os tempos, faleceu em Havana aos 93 anos, informaram nesta terça-feira os meios locais.

Miravalles, que protagonizou vários clássicos do cinema cubano, como 'Las doce sillas' (1960) e 'El hombre de Maisinicú' (1973), morreu na segunda-feira "vítima de complicações derivadas de vários padecimentos", afirmou o diário oficial Granma.

Nascido em Havana em 1923, o ator estreou na rádio em 1944, e oito anos depois na televisão. Foi fundador do cinema cubano e "participou de alguns dos filmes mais destacados da década de 1960", acrescentou o Granma.

Miravalles se radicou em Miami em 1994, mas "nunca perdeu o vínculo com Cuba", disse o jornal, ressaltando que em 2012 o ator filmou na ilha o seu último longa-metragem, "'Esther en alguna parte', em um dueto memorável com Enrique Molina", outro grande ator cubano.

Veja também

Clima entre Mirella e Raissa esquenta em A Fazenda
A fazenda

Clima entre Mirella e Raissa esquenta em A Fazenda

Ratinho tem diagnóstico de Covid-19 e ficará afastado da TV
Coronavírus

Ratinho tem diagnóstico de Covid-19 e ficará afastado da TV