POLÊMICA

MP aciona a Justiça após município com dívidas milionárias pagar R$ 350 mil em show de Eduardo Costa

A apresentação do artista foi contratada para a comemoração do aniversário da cidade. Órgão levou em consideração a realidade socioeconômica do Município que, estaria em "situação de insolvência"

Eduardo Costa, cantor sertanejoEduardo Costa, cantor sertanejo - Foto: Divulgação

O Ministério Público da Bahia foi à Justiça para tentar reaver R$ 350 mil pagos em um show do cantor Eduardo Costa no município de Santa Maria da Vitória, de quase 40 mil habitantes e com dívidas milionárias. O show do artista foi contratado para a comemoração do aniversário da cidade de 114 anos.

A ação, segundo o MP-BA, foi motivada em razão do "contexto econômico do Município, indícios de sobrepreço e ausência de dotação orçamentária para o pagamento à época da contratação." O show foi realizado na última segunda-feira e, ainda de acordo com órgão, há indícios de "sobrepreço e ausência de dotação orçamentária suficiente para o pagamento da obrigação à época de sua celebração".

O MP levou em consideração a realidade socioeconômica do Município que, estaria em “situação de insolvência”. Com relação ao sobrepreço, o MP levou em consideração que o valor médio de uma apresentação do cantor Eduardo Costa seria de R$ 264.571,43, enquanto o valor a ser pago pelo Município de Santa Maria da Vitória seria R$ 350 mil.
 

Segundo o órgão destacou no processo, o atual débito com o Instituto de Previdência Social dos Servidores Municipais (Caprevas) supera os R$ 60 milhões, quase quatro vezes a geração de receita tributária própria em 2022.

Veja também

No Recife: exposição imersiva "Michelangelo: O Mestre da Capela Sistina"
MICHELANGELO

No Recife: exposição imersiva "Michelangelo: O Mestre da Capela Sistina"

Angelina Jolie pede divulgação de comunicações sobre voo em que relatou agressão de Brad Pitt
famosos

Angelina Jolie pede divulgação de comunicações sobre voo em que relatou agressão de Brad Pitt

Newsletter