Música: Arte literária e poética se misturam no álbum 'Ã'

Cantor e produtor cultural lançou o disco 'Ã', no mês de maio, nas plataformas digitais. Trabalho é marcado pela poesia e as participações de nomes como Joinha's Band e Thiago Martins

Capa do álbum Capa do álbum  - Foto: Gabriel Santana

Lançado no mês de maio nas principais plataformas digitais, o álbum "Ã", do cantor e produtor cultural Tauã, é poesia pura e firme. É uma força que pode ser sentida ao ser expurgada tanto nas palavras performáticas da poesia de Miró da Muribeca, presente na canção "Ambigramma", como na pegada jazzística do trio instrumental Joinha's Band, que colaborou com lindos arranjos nas sete faixas do disco.

"Eu particularmente vejo uma potência enorme no groove deles. Na formação que conta com Carlos Pérez - que no momento se encontra em Barcelona com outros projetos musicais - na bateria; Diego Drão, nos teclados e Daniel Fino, no baixo. É groove demais", conta Tauã.

O "Ã" mistura a leveza do contato que o artista teve com a natureza e a potência do mar, já que o disco foi concebido nessa ambiente. A canção "Cajueiro" tem muito da conexão com a praia de Catuama, no Litoral Norte pernambucano. O projeto foi sendo maturado desde 2017 na Casinha do Cajueiro, um espaço colaborativo e de imersão nas mais variadas expressões artísticas.

Leia também:
Violinista Nicolas Krassik realiza apresentação no Recife
Projeto '100 anos de Lourival Oliveira' celebra compositor
Rogerman lança clipe da música 'Eu Tenho Fé', em novo momento da carreira

Experiências pessoais adquiridas por Tauã ao longo da carreira estão presentes no álbum "Ã". Para o artista, o gosto pela sílaba, a diversidade das pronúncias, o poema molhado foram incorporados ao seu novo trabalho. "A proposta de trazer ruídos e ambiências, como a captação do vento no violão presente entre faixas, a rabeca estridente de Thiago Martins, as gastações psicodélicas da Joinha's Band. Também é uma influência que trago desde minha adolescência, ouvindo muito hardcore no Janga”, explica.



Tauã já articula o projeto "Sílaba Molhada", apresentando um formato mais intimista ao público. A região Sudeste está na rota do artista para receber o álbum "Ã". Segundo ele, um show de lançamento também está sendo preparado e as cidades escolhidas para receber as performances foram o Recife, Olinda e o Rio de Janeiro. "A ideia é trazer o universo lítero-musical com violão, percussão e outros enfeites", afirma.

   Parceria

O disco é fruto de uma parceria entre a Joinha's Band, o Malunguim Estúdio, na pessoa de Mário Sérgio Oliveira, e o coletivo pensaquepensa, plataforma onde o artista dá vazão às suas produções desde 2010. A foto da capa é de Gabriel Santana. Nas letras das faixas "Cajueiro" e "Sertão". Tauã divide a composição com os músicos Felipe Cabral e Floriano Varejão.

Veja também

Filme de Bob Cuspe, personagem de Angeli, leva prêmio em Annecy
Premiação

Filme de Bob Cuspe, personagem de Angeli, leva prêmio

Recém-casada, Solange Almeida diz que quer ser mãe novamente: 'Não vejo a hora'
Maternidade

Recém-casada, Solange Almeida diz que quer ser mãe novamente: 'Não vejo a hora'