Nanda Costa diz que assumir relação homossexual ajuda a naturalizar o tema

A atriz, que dá vida a Érica na novela "Amor de Mãe", está comemorando seis anos de relacionamento com Lan Lahn

Lan Lahn e Nanda CostaLan Lahn e Nanda Costa - Foto: Reprodução Instagram

Nanda Costa, 33, afirmou que quanto mais casais formados por mulheres se assumirem, mais comum e natural vai ficar para toda a sociedade. A atriz, que dá vida a Érica na novela "Amor de Mãe", está comemorando seis anos de relacionamento com Lan Lahn.

Nos últimos meses, atrizes como Camila Pitanga e Vitória Strada assumiram namoro com outras mulheres.

"Cada uma sabe de si. Cada um sabe quando e como deve tomar a decisão de falar sobre sua intimidade, seu sentimento. Mas quando uma pessoa pública se coloca, gera consequências e uma delas é abrir discussão no ambiente familiar. Quanto mais a gente fala, a gente expõe, mais comum e natural fica", disse ela em entrevista à revista Glamour.

Leia também:
Em 'Amor de Mãe', pernambucana Clarissa Pinheiro diz que Penha terá guinada na história movida pela paixão
Alice Braga confirma namoro com Bianca Comparato


Para a atriz, esse movimento deve se refletir na produção cultural. "As novelas, as séries, os filmes se inspiram, em muitas vezes, na vida real, no cotidiano, no dia a dia. Então um relacionamento homoafetivo tende a ocupar cada vez mais espaços na dramaturgia, como na vida real", afirmou.

Nanda também contou que o público é muito carinhoso com ela e Lan Lahn. "Uma chuva de acolhimento, de compreensão e respeito. Acho que as pessoas gostam de ouvir nossa história, que é uma história de amor."

Veja também

Fabiana Karla vai comandar 'Falas Femininas', especial da Globo para Dia da Mulher
Televisão

Fabiana Karla vai comandar 'Falas Femininas', especial da Globo para Dia da Mulher

Porta dos Fundos é acusado de preconceito etário por vídeo de humor
Polêmica

Porta dos Fundos é acusado de preconceito etário por vídeo de humor