BBB 21

Para não ser cancelada, Sarah revela que deixou de seguir Bolsonaro antes de entrar no reality

"Eu gostava de ver o que era postado", declarou a sister

Sarah quis evitar o cancelamento e deixou de seguir o presidente da República nas redes sociaisSarah quis evitar o cancelamento e deixou de seguir o presidente da República nas redes sociais - Foto: Reprodução/Globoplay

Na era da cultura do cancelamento, todo cuidado é pouco. Principalmente para quem está muito exposto, como é o caso dos participantes do Big Brother Brasil. Durante conversa sobre o comportamento frequente na internet, a consultora de marketing digital Sarah Andrade revelou que deixou de seguir o presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido) nas redes sociais para evitar ser cancelada.
 
"Eles acharam o Instagram da menina e cancelaram ela porque ela seguia Bolsonaro", inicia a pauta Thaís Braz na área externa da casa. "Ela nem entrou", destaca a cirurgiã-dentista. 

"Eu vou dizer que tanto acontecia isso [o cancelamento] que eu seguia ele e parei de seguir", declara Sarah. E acrescenta: "Não vou mentir. Eu gostava de ver o que era postado. Aí, eu vi e: ‘Ui! Vou parar de seguir."


 
Enquanto a sister fala, Lumena Aleluia faz uma cara de quem não gostou muito da declaração. A sister tem posicionamento alinhado à esquerda e defende pautas de grupos que são constantemente atacados pelo presidente, como os LGBTs, as mulheres e os negros.
 
Apesar de ser uma das favoritas na edição, Sarah está associada ao eleitorado de Bolsonaro. Juntamente aos "agroboys", Caio Afiune e Rodolffo, ela é alvo de memes relacionados ao presidente da República.|

 

 

 

 

 

Veja também

Fiuk surpreende ao falar sobre 'questão financeira' na casa
BBB 21

Fiuk surpreende ao falar sobre 'questão financeira' na casa

Novo clipe da paraibana Nathalia Bellar marca um ano do álbum de estreia
Música

Novo clipe da paraibana Nathalia Bellar marca um ano do álbum de estreia