Potencial transformador da arte

Projeto Aria Social, que existe há 25 anos, realiza jantar solidário amanhã, no La Cuisine Garden, em Piedade

Marina Silva (Rede) participou de culto evangélico no RecifeMarina Silva (Rede) participou de culto evangélico no Recife - Foto: Divulgação

 

O Aria - Espaço de Dança e Arte, sede do projeto Aria Social, está completando 25 anos de existência. Como forma de comemorar as mais de duas décadas de atividades culturais e sociais, será realizado um jantar solidário na casa de recepções La Cuisine Garden, no bairro de Piedade, em Jaboatão dos Guararapes. O valor arrecadado com os ingressos será revertido para a instituição, que atua na formação profissional de crianças, adolescentes e jovens através da arte.
“O objetivo é mostrar à sociedade pernambucana o nosso projeto, que, apesar de antigo, ainda é pouco conhecido. Teremos a oportunidade de falar um pouco sobre nossas ações e do potencial transformador que elas têm”, explica a bailarina Cecília Brennand, fundadora e diretora geral do Aria Social. Na ocasião, será exibido um vídeo com depoimentos de alunos e ex-alunos do centro cultural, que falam de suas experiências pessoais com a escola, que atende mais de 420 participantes.
O cardápio do jantar é assinado por Zé Maria Sultanum, que realiza um famoso festival gastronômico em sua pousada, localizada na ilha de Fernando de Noronha. “O Zé Maria conhece a história do Aria. Nós conversamos e ele propôs vir até o Recife e cuidar da comida, sem cobrar nada por isso”, conta Cecília.

Além de diferentes pratos da culinária mundial, o evento conta ainda com programação artística. Os alunos atendidos pela associação fazem um concerto de violões e uma apresentação de coral, com participação do músico Cezzinha.
Os integrantes do Aria Social se preparam para estrelar sua última apresentação do ano, junto com a Cia. Sopro de Zéfiro. Batizado de “Gêneses - A criação”, o espetáculo tem concepção e cenografia de Beth Gaudêncio, direção geral de Cecília Brennand e direção artística de Ana Emília Freire e Carla Machado. A estreia ocorre no dia 4 de dezembro, às 18h, no Teatro de Santa Isabel. “É um espetáculo que fala do nascimento do mundo, com base na passagem bíblica”, adianta.
A última apresentação dos jovens bailarinos foi em “Noite de gala: do libretto ao cordel”, espetáculo levado ao palco do Santa Isabel em outubro, que unia o erudito e o popular através da mistura de balé clássico e as músicas de Luiz Gonzaga. A direção artística era assinada pela coreógrafa e professora de dança Maria Inêz Lima, que trabalha na escola desde a sua fundação.
Com sede em Piedade, o Aria surgiu primeiro como uma escola particular de dança. Em 2004, Cecília resolveu transformá-lo em projeto social, realizando um sonho antigo.

Desde então, a inciativa tem promovido a inclusão social através de aulas gratuitas de música, dança e capoeira, além de português e matemática, para estudantes de baixa renda, a partir dos 6 anos de idade.

 

Veja também

Espaço Cultural Boa Viagem terá lançamento com show, palestra e lançamento de livros
RECIFE

Show, palestas e livros no novo Espaço Cultural Boa Viagem

Priscilla Alcantara mostra bastidores da gravação de 'Vou Voar', tema de filme da Netflix
Netflix

Priscilla Alcantara mostra bastidores da gravação de 'Vou Voar', tema de filme da Netflix