Presença de Jair Bolsonaro faz Gagliasso e Ewbank deixarem UFC

O casal chegou à Arena Olímpica do Rio para acompanhar a participação dos lutadores brasileiros na competição

Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso  - Foto: Divulgação/Keila Castro

Os atores Bruno Gagliasso, 35, e Giovanna Ewbank, 30, se sentiram incomodados com a presença do deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) e saíram mais cedo do UFC (Ultimate Fighting Championship) Rio 8 (UFC 212) na noite do último sábado (3).

O casal chegou à Arena Olímpica do Rio para acompanhar a participação dos lutadores brasileiros na competição. Animado, Bruno postou em sua conta no Twitter que estava perto do octógono do UFC para "passar bastante energia positiva pros brasileiros no @UFC de hoje!".

Pais de Titi, adotada no Malauí, o casal soube da presença de Bolsonaro no evento e resolveu deixar o local e acompanhar a luta de Vitor Belfort e José Aldo em casa. "Já no meus aposentos, na frente da TV, e bem longe do Bolsonaro", escreveu Gagliasso, em sua conta no Twitter.

Bolsonaro é conhecido por seu posicionamento conservador e por suas declarações polêmicas em relação a mulheres, homossexuais e negros. Em recente palestra no clube Hebraica, narrou a visita que teria feito a uma comunidade quilombola: "O afrodescendente mais leve lá pesava sete arrobas. Não fazem nada. Eu acho que nem para procriador ele serve mais".

A reportagem entrou em contato com a assessoria de imprensa dos atores, mas não obteve retorno até a publicação desse texto.

Veja também

Compositor pernambucano Ciço lança single nas plataformas digitais
Música

Compositor pernambucano Ciço lança single nas plataformas digitais

Casal de herois gays se unirá aos Guardiões da Galáxia em história em quadrinhos
Marvel

Casal de herois gays se unirá aos Guardiões da Galáxia em história em quadrinhos