Produtora multada por acidente com Harrison Ford

O ator de 74 anos quebrou a perna esquerda durante uma cena de "Star Wars - O despertar da força

Rodrigo MarquesRodrigo Marques - Foto: Facebook/Reprodução

A produtora Foodles Production foi condenada nesta terça-feira (11), por um tribunal britânico, a uma multa de 1,6 milhão de libras depois do acidente sofrido pelo ator Harrison Ford durante as filmagens do mais recente filme da saga Star Wars.

O ator de 74 anos quebrou a perna esquerda pelo fechamento repentino de uma porta hidráulica durante uma cena de "Star Wars - O despertar da força", rodada nos estúdios Pinewood, perto de Londres, em 12 de junho de 2014.

Segundo o promotor Andrew Marshall, a porta de metal de 1,2 x 2 m atuou como uma "guilhotina" e passou a "milímetros do rosto de Harrison Ford antes de cair no chão".

"O incidente poderia ter provocado a morte de uma ou duas pessoas", acrescentou.

A Foodles Production, filial dos estúdios Disney, foi declarada culpada pelas falhas nas medidas de segurança. Mas o juiz do tribunal de Aylesbury (noroeste de Londres) lamentou principalmente que a empresa não tenha alertado o ator do risco.

Mencionando o incidente em dezembro passado, durante um programa da BBC, Harrison Ford enfatizou que, em outros tempos, este tipo de porta era fechada manualmente, com ajuda de uma polia.

"Mas, hoje em dia, temos muito dinheiro e tecnologia e construímos essas malditas superportas hidráulicas que se fecham à velocidade da luz", brincou.

Veja também

Ex de Dudu diz que teve caso com Gusttavo Lima quando era casado
famosos

Ex de Dudu diz que teve caso com Gusttavo Lima quando era casado

Programa do Ratinho volta a ter plateia de 30 pessoas testadas para Covid-19
televisão

Programa do Ratinho volta a ter plateia de 30 pessoas testadas para Covid-19