A-A+

Projeto Alumiar leva cinema acessível ao Interior de Pernambuco

Projeto de acessibilidade chega a quatro cidades do interior de Pernambuco com exibições dos filmes "O Auto da Compadecida", "Viajo Porque Preciso, Volto Porque Te Amo", "Colegas" e "Menino Maluquinho"

Projeto Alumiar da FundajProjeto Alumiar da Fundaj - Foto: Reprodução/Divulgação

Mesmo com avanços tecnológicos e culturais, ainda há grandes barreiras no caminho da acessibilidade para todos. Com intuito de driblar os obstáculos, há dois anos, o Projeto Alumiar de Cinema Acessível chegou para ajudar a causa. O projeto, que é promovido pelo Cinema da Fundação Joaquim Nabuco, chega a quatro cidades pernambucanas a partir de hoje, de forma gratuita. Nazaré da Mata, Caruaru, Garanhuns e Arcoverde são as contempladas com uma programação de filmes com acessibilidade comunicacional ao longo das duas primeiras semanas de dezembro. Além dos filmes, também será ofertada uma masterclass sobre acessibilidade audiovisual.

Leia também:
Projetos de cultura popular lideram no Funcultura Geral
Estudante escreve livro infantil sobre acessibilidade e inclusão
Fundaj promove seminário em homenagem a Gilberto Freyre e Cabral de Melo Neto

A abertura acontece hoje, às 14h, em Nazaré da Mata, na escola Dom Ricardo Vilela, com o filme o "O Auto da Compadecida": “Era uma demanda antiga do público com deficiências visuais e auditivas. A adaptação resultou num filme ágil, bem-humorado e articulado com a cultura nordestina. O longa também se destaca pela força da interpretação de grandes atores brasileiros”, diz Ana Farache, coordenadora do projeto Alumiar e do Cinema da Fundação.

Segundo ela, os filmes foram selecionados por meio da sua importância cultural, sua relevância no cinema brasileiro. Além do clássico de Guel Arraes, também serão exibidos os filmes "Viajo Porque Preciso, Volto Porque Te Amo", de Marcelo Gomes e Karim Ainouz, "Colegas", de Marcelo Galvão, e "Menino Maluquinho", de Helvécio Ratton.

Em entrevista à Folha de Pernambuco, o presidente da Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj), Antonio Campos, comemora a aproximação com o lado educacional do Estado, que é um dos grandes intuitos da instituição federal. “Com a itinerância do Alumiar, ampliaremos o alcance de público e levaremos para mais pessoas com deficiências sensoriais de Pernambuco filmes com acessibilidade comunicacional. Começar essa itinerância pelas escolas reforça nosso compromisso como órgão educacional”, enfatizou.


Programação -

Nazaré da Mata
Escola Dom Ricardo Vilela
03/12, 14h
Filme: O Auto da Compadecida

Caruaru
Armazém da Criatividade
05/12, 14h
Filme: Viajo Porque Preciso, Volto Porque Te Amo
06/12
9h - Masterclass: Acessibilidade Audiovisual
14h - Filme: O Auto da Compadecida

Garanhuns
Escola Professor Letácio Brito Pessoa

10/12
9h - Filme: O Auto da Compadecida
14h - Masterclass: Acessibilidade Audiovisual
11/12, 9h
Filme: Colegas

Arcoverde
Auditório da Secretaria de Educação e Esportes

12/12
9h - Filme: Menino Maluquinho
14h - Masterclass: Acessibilidade Audiovisual
13/12, 9h
Filme: O Auto da Compadecida

SERVIÇO
Sessão Alumiar Na Estrada
De 03 a 13 de dezembro
Nazaré da Mata, Caruaru, Garanhuns e Arcoverde

Veja também

DJ Ivis será solto após mais de 3 meses preso por agressão à ex-mulher
Agressor

DJ Ivis será solto após mais de 3 meses preso por agressão à ex-mulher

Musical 'A menina Akili e seu tambor falante' tem sessões online
Infantojuvenil

Musical 'A menina Akili e seu tambor falante' tem sessões online