A-A+

Quatro séries francesas da Netflix para assistir e amar

'Dix pour Cent', 'Osmosis', 'Ad Vitam' e 'La Mante' são produções que merecem atenção no vasto catálogo da plataforma de streaming

"Dix pour Cent""Dix pour Cent" - Foto: Divulgação

Recentemente, a Netflix divulgou uma lista de séries europeias que caíram no gosto dos brasileiros. São elas as inglesas "Sex Education" e "The End of the F*ing World", a dinamarquesa "The Rain", a alemã "Dark", e a turca "O Último Guardião". E mais: a plataforma de streaming revelou um aumento de 80% no interesse dos brasileiros em produções não americanas em relação ao ano passado. Pensando nisso, estamos aqui para indicar quatro séries francesas que merecem a sua atenção. "Dix pour Cent", "Osmosis", "Ad Vitam" e "La Mante" estão disponíveis na Netflix.

Dix pour Cent

O dia a dia de agentes de talentos em Paris é o norte da série. Os profissionais se desdobram para manter os astros satisfeitos e os lucros constantes, após uma crise. A série de comédia conquista não só pelo humor refinado, mas pela riqueza de perfis dos personagens. Dix pour Cent, criada por Dominique Besnehard e Fanny Herrero para o canal France 2, tem três temporadas disponíveis no serviço de streaming. Além dos maravilhosos nomes fixos da série, a exemplo de Camille Cottin, Grégory Montel, Liliane Rovère e Thibault de Montalembert, os convidados de alguns episódios também são igualmente incríveis. Na lista, Juliette Binoche e Isabelle Huppert.

Leia mais:
'A Vida Invisível' está de fora do Oscar, mas 'Democracia em Vertigem' entra

Netflix revela ter 29,4 milhões de assinantes na América Latina 

Osmosis
A série de ficção científica criada por Andrey Fouché é ambientada num futuro próximo em Paris. Protagonizada por Hugo Becker, Agathe Bonitzer, Stéphane Pitti, Gaël Kamilindi, Suzanne Rault-Balet, Luna Silva, Manoel Dupont e Yuming Hey, a produção é desenrolada em torno de um novo aplicativo de relacionamento, "Osmosis", criado para decodificar o amor verdadeiro. O app promete a combinação perfeita entre duas pessoas. Parece perfeito encontrar o amor da sua vida tão facilmente, mas o que a trama mostra é exatamente o contrário. Até agora, a série só tem uma temporada disponível.

Ad Vitam
A imortalidade é o tema central de Ad Vitam, que tem apenas uma temporada de seis episódios disponível na Netflix. Na trama, estrelada por Yvan Attal, Garance Marillier e Niels Schneider, a humanidade descobriu um método para driblar a morte. O procedimento, batizado de "Regeneração", permite que as pessoas consigam reparar qualquer tipo de "defeito" do corpo. Os problemas passam, então, a ser outros. Conviver com a eternidade é vista sob outra perspectiva, muito menos de ilusão.

La Mante
La Mante, ou "A Louva-a-Deus", levanta uma questão pouco vista em séries de suspense: uma mulher serial- killer. Ou seja: sai do comum ao retratar uma mulher e não um homem assassino em série. Interpretada por Carole Bouquet, Jeanne Debber parou de matar e está presa. O seu modus operandi, no entanto, volta a aparecer e reacende a sua história e seu padrão. Como acontece em outros seriados, a criminosa é cogitada para ajudar a polícia na investigação. Mas ela só aceita com uma condição: a de que seu filho, o policial Damien Carrot (Fred Testot), seja o único a ter contato com ela. A relação entre mãe e filho também foge completamente do comum. A série tem apenas uma temporada.

Veja também

Casa da Cultura recebe apresentações carnavalescas

Casa da Cultura recebe apresentações carnavalescas

Governo lança campanha de apoio voltada à atividade circense
Circo

Governo lança campanha de apoio voltada à atividade circense