'Refugo' entra em cartaz na Galeria Joana D'Arc

Exposição entra em cartaz na próxima terça-feira (18) na Galeria Joana D'Arc

Guto Barros expõe suas obras na mostra 'Refugo'Guto Barros expõe suas obras na mostra 'Refugo' - Foto: 3 por 4 Fotografia/Divulgação

“Refugo”, exposição do artista Guto Barros, entra em cartaz na próxima terça-feira (18) no espaço ZV Tattoo e Galeria, localizado na Galeria Joana D’Arc, Pina, Zona Sul do Recife. Sob a curadoria da artista visual e arteterapeuta Camila Sobreira e do artista visual e tatuador Nando Zevê, a mostra terá em exibição pelo menos 60 obras criadas entre os anos de 2016 e 2019 e ficará aberta ao público até 18 de agosto.

As colagens criadas por Guto estarão lado a lado com projetos tatuáveis e adaptações da arte abstrata encontrada no seu trabalho, com o intuito de promover o diálogo da tatuagem enquanto linguagem das artes visuais, pensadas pelo artista como um contraponto de cotidianos que “exigem” um desacelerar e uma oxigenação que alimente e revigore processos de existência e criação.

Leia também:
Abertura da exposição 'Tengo Lengo Tengo' é adiada
Arte que rompe com a realidade em exposição no Recife

Tattoo 

A tatuagem entrou como linguagem do processo artístico de Augusto a partir do desejo de explorar o corpo enquanto território, plataforma de mapeamento e percepção dos espaços. Para "Refugo", o artista encarou ainda o desafio de adaptar o seu trabalho abstrato para a pele. As obras foram redesenhadas, a partir das colagens, pensando nas especificidades do corpo.

Serviço:
Exposição “Refugo”, de Augusto Barros

De 18 de junho a 18 de agosto, na ZV Tattoo e Galeria (Galeria Joana D’Arc)
Horário: Segunda a sexta-feira, das 14 às 21h
Av. Herculano Bandeira, Pina
Acesso gratuito



Veja também

Elton John adia turnê após machucar quadril no final das férias
Música

Elton John adia turnê após machucar quadril no final das férias

Sérgio Lemos: mais de cinco décadas dedicadas à pintura
Artes Visuais

Sérgio Lemos: mais de cinco décadas dedicadas à pintura