A-A+

Revista Hexágono destaca vozes femininas da literatura pernambucana

A segunda edição da Revista Hexágono será lançada nesta segunda-feira (20) e traz obras de mulheres como Clarice Lispector, Celina de Holanda e Edwiges de Sá Pereira

Seis autoras pernambucanas serão (re)apresentadas na nova edição da revista HexágonoSeis autoras pernambucanas serão (re)apresentadas na nova edição da revista Hexágono - Foto: Divulgação

Seis das mais importantes escritoras pernambucanas vão se tornar mais (re)conhecidas através da Revista Hexágono, idealizada e editada pelo também escritor Sidney Rocha e publicada com apoio do Fundo Pernambucano de Incentivo à Cultura (Funcultura-PE). 

O lançamento da segunda edição do projeto está marcado para a próxima segunda-feira (20), a partir das 19h, no Espaço Pasárgada, na Boa Vista. A distribuição física de seis mil exemplares da revista vai acontecer nas escolas e bibliotecas públicas pernambucanas, mas os interessados também vão poder baixá-la gratuitamente na internet.

Leia também:
Sidney Rocha fala sobre literatura e a homenagem que receberá na Bienal do Livro
A cadeia produtiva do livro
Obra de Clarice Lispector é celebrada em todo o Brasil
Centenário de Celina de Holanda será comemorado na APL

Esta é a segunda vez que a Hexágono é produzida. Na primeira, em 2018, trouxe os nomes de João Cabral de Melo Neto, Ariano Suassuna, César Leal, Hermilo Borba Filho, Luis Jardim e Osman Lins.

Agora, será a vez de Celina de Holanda, Edwiges de Sá Pereira, Francisca Izidora Gonçalves da Rocha, Maria do Carmo Barreto Campello de Melo, Ladjane Bandeira e Clarice Lispector. "São escritoras que, de algum modo, mesmo em se tratando de uma autora como Clarice Lispector, são inéditas na escola. Muitas delas estão esquecidas, foram silenciadas. Recuperar sua obra é uma forma de reconhecer o silêncio a que foram degredadas e tentar fazer alguma justiça com sua poesia, sua literatura, sua obra, enfim", afirma Sidney.

Kits com os seis exemplares que compõem a revista Hexágono serão distribuídos em escolas públicas e bibliotecas

Kits com os seis exemplares que compõem a revista Hexágono serão distribuídos em escolas públicas e bibliotecas - Crédito: Divulgação

O time responsável pela revista também é predominantemente feminino. De acordo com ele, são "40 mulheres, por todos os lados do 'Hexágono'", distribuídas entre as autoras dos ensaios, ilustradoras, especialistas e outras profissionais.
A revista é organizada em kits compostos por seis volumes distintos, com 52 páginas em média cada, contendo um ensaio sobre a autora, uma cronologia, uma entrevista com um especialista, uma fortuna crítica e mais uma bibliografia comentada. A proposta é que sejam textos de fácil compreensão, para contribuir na formação de estudantes e professores.

Sidney Rocha é o editor da Revista Hexágono, que está em sua segunda edição

Sidney Rocha é o editor da Revista Hexágono, que está em sua segunda edição - Crédito: Caio Danyalgil/Folha de Pernambuco

Os nomes escolhidos para compor a atual edição traçam uma espécie de panorama que percorre o fim do século 19 e todo o século 20, indo de Edwiges de Sá Pereira (a primeira mulher eleita para a Academia Pernambucanas de Letras) a Clarice Lispector (a mais internacional das pernambucanas). Duas das autoras estão mais esquecidas, como Francisca Izidora e Celina de Holanda, cujos centenários passaram praticamente batidos. Já Maria do Carmo e Ladjane estiveram produtivas até recentemente. Renovadas através do projeto, as seis autoras agora ganham a chance de ser enxergadas pelas novas gerações.

Serviço:
Lançamento da segunda edição da "Revista Hexágono - Grandes nomes da literatura pernambucana"
Espaço Pasárgada - Rua da União, 263, Boa Vista
Segunda-feira (20), a partir das 19h
Entrada gratuita 

Veja também

Morre James Michael Tyler, o Gunther, da série 'Friends'
Luto

Morre James Michael Tyler, o Gunther, da série 'Friends'

Anitta cita mitomania após boatos de Gui Araujo
polêmica

Anitta cita mitomania após boatos de Gui Araujo