Música

Revoredo converte quarentena em lirismo com trilogia de singles

"De Repente" é o primeiro de três singles que compõem uma trilogia musical que aborda sensações e impressões sobre a quarentena decorrente da Covid-19

Cantor e compositor RevoredoCantor e compositor Revoredo - Foto: Breno César

Após o lançamento de seu álbum de estreia, em abril desse ano, o cantor pernambucano Revoredo lança, nas plataformas digitais, nesta sexta-feira (30), seu novo projeto autoral. Inspirada e concebida nesse momento de pandemia, o artista lança a canção "De Repente", o primeiro de três singles que compõem uma trilogia musical que aborda sensações e impressões sobre a quarentena decorrente da Covid-19. O lançamento ganha show virtual ao vivo no sábado (31/10), às 21h, através da plataforma de lives Ágora Sonora.

Capa do single

Impossibilitado de fazer shows e encontros presenciais na quarentena, o artista se uniu com seus parceiros e começou a compor de forma remota, movimento que deu vida a canções que falam sobre angústias, dúvidas e incertezas suscitadas pelo isolamento. "São músicas que não abraçam uma estética especial, pois se constroem naturalmente, uma vez que simbolizam um registro histórico do nosso tempo", explica.

Filha do isolamento, "De repente" foi uma das primeiras canções que surgiram, composta em parceria com Sam Silva e Juliano Holanda. Ao longo da quarentena nasceram ainda "Quase Tudo" (Revoredo/Juliano Holanda) e "Arrumação" (Revoredo/Brunno Lins), canções que dialogam entre si e externam aflições e esperanças dos artistas em quarentena. "Quase Tudo" chega aos canais de streaming no final de novembro e "Arrumação" no final de dezembro, um simbolismo que encerra 2020 com reflexões poéticas e filosóficas através da arte.

O artista revela que a construção da trilogia foi totalmente remota, produzida entre captações caseira em Recife e Garanhuns. Além de compor e dar voz às canções, Revoredo também assina arranjos e instrumentação das canções ao lado de músicos como Julio Portela, Kaw Lima, Rafael Meira e Moema Macedo. A mixagem e masterização de “De Repente” ficou a cargo do estúdio Bocha Caballero, em Salvador (BA), enquanto a de “Quase Tudo” foi viabilizada por André Oliveira, no Estúdio Muzak, no Recife.

De acordo com Revoredo as três canções sintetizam os anseios que povoaram 2020. "Três canções. Três poemas. Três parceiros. Três músicos em cada canção. Três histórias que, juntas, lançam no mundo uma narrativa sonora sobre os últimos dias que temos vivido. Nossos medos, anseios, dúvidas e esperanças... Uma mensagem do presente para o futuro", filosofa. O músico, apesar da pandemia, teve um 2020 produtivo - lançou seu primeiro disco autoral em março, com incentivo do Funcultura, celebrando 15 anos de carreira; e realizou dezenas de lives, entre elas no festival "Arte como Respiro" do Itaú Cultural, em setembro, e no edital "Cultura em Rede" do Sesc Pernambuco, em outubro.

>> SERVIÇO:

Show de Lançamento do single "De Repente", com Revoredo

Quando: sábado, 31 de outubro de 2020

Horário: 21h

Onde: Plataforma Ágora Sonora

Ingressos: Contribuição espontânea a partir de R$ 20

À venda online no site https://agorasonora.com.br/ 

Mais informações: Instagram @agorasonora
 
>> Acompanhe novidades do artista nas redes sociais:

Instagram - @revoredo_oficial

Facebook - @alexandrerevoredoarte
 
>> Escute Revoredo nas plataformas digitais:
Disponível em Spotify, Deezer, Tidal, Apple Music, iTunes, Google Play, Napster e Shazam - https://tratore.ffm.to/revoredo

 

Veja também

Nova temporada do "Vai que Cola": elenco está cheio de gás
Televisão

Nova temporada do "Vai que Cola": elenco está cheio de gás

Prêmio Delmiro Gouveia recebe 542 propostas para o Nordeste
Fundaj

Prêmio Delmiro Gouveia recebe 542 propostas para o Nordeste