Rock in Rio deverá reunir mais de 100 mil pessoas por dia

Desta forma, a principal recomendação para melhor locomoção dos frequentadores do evento é optar pelo sistema de transporte público

O Rock in Rio rola em setembro, na Cidade do Rock, uma superestrutura montada no Parque Olímpico, na Zona Oeste do Rio O Rock in Rio rola em setembro, na Cidade do Rock, uma superestrutura montada no Parque Olímpico, na Zona Oeste do Rio  - Foto: Divulgação

A prefeitura do Rio divulgou nesta sexta-feira (1) durante coletiva de imprensa que mais de 100 mil pessoas são esperadas diariamente para a edição do Rock in Rio deste ano. Desta forma, a principal recomendação para melhor locomoção dos frequentadores do evento é optar pelo sistema de transporte público.

De acordo com o secretário municipal de Transportes, Fernando Mac Dowell, a grande novidade é o trabalho conjunto do BRT e Metrô Rio que vai funcionar 24 horas. O diretor do Centro de Operações, Joaquim Diniz, reforçou a importância dessa junção de serviços ao esclarecer que o estacionamento nas redondezas do local será proibido.

Leia também:
Esse poderá ser o último Rock In Rio no Brasil, revela Roberto Medina
Rock in Rio confirma shows de Pet Shop Boys, Titãs e Incubus
Rock In Rio terá "árvores artificiais" para carregar celulares
Fãs do Rock in Rio ganham playlists gratuitas no Spotify


"Para que a gente estimule e garanta o conforto de quem vai para o evento utilizando o Metrô mais BRT, todo o entorno da Cidade do Rock vai ter estacionamento inibido para impedir que as pessoas tentem ir de veículo próprio. Por que que a gente inibe o carro particular? Porque para acomodar mais de 100 mil pessoas de carro nessa região, os transtornos e congestionamentos seriam inevitáveis, por isso estimulamos à utilização do transporte público", explicou o diretor.

Para garantir o controle urbano e do trânsito no local, o diretor de operações da Guarda Municipal, Ricardo Soares, disse que no primeiro dia de evento, 15 de setembro, a Guarda estará presente no local desde as 7h da manhã, contando com 280 guardas em apoio às ações da Cet-Rio nos bloqueios de rua e pontos de fiscalização de veículos, além de mais de 230 agentes em ações de ordenamento urbano espalhados pela Cidade do Rock, redondezas e pontos de transporte público.

"Nós vamos atuar com 56 veículos e 15 reboques da Secretaria Municipal de Ordem Pública para coibir qualquer tipo de estacionamento irregular, e também auxiliar os outros órgãos nas ações de fiscalização de taxis. Teremos também um carro que será colocado na comunidade da Vila Autódromo para facilitar as ações da Guarda", esclareceu o diretor.

A vice-presidente do Rock in Rio, Roberta Medina, recomenda aos frequentadores do evento que cheguem cedo para poder desfrutar de tudo que a nova Cidade do Rock terá para oferecer.

Veja também

The Voice+: Reality musical com talentos acima de 60 anos começa cheio de emoção
The Voice

The Voice+: Reality musical com talentos acima de 60 anos começa cheio de emoção

Nego do Borel apela para discurso religioso após acusações de agressão
Religiosidade

Nego do Borel apela para discurso religioso após acusações de agressão