Cultura+

'Rust': Produtor diz que filme com Alec Baldwin marcado por tiro acidental será completado

Segundo Anjul Nigam, filmagens serão retomadas assim que investigações forem encerradas

Ator Alec BaldwinAtor Alec Baldwin - Foto: Angela Weiss/AFP/arquivo

O produtor americano Anjul Nigam afirmou que as filmagens do filme 'Rust' serão completadas. A produção do longa-metragem foi interrompida em outubro do ano passado após o ator Alec Baldwin acidentalmente atirar uma arma de fogo no set e matar a diretora de fotografia Halyna Hutchins e ferir o diretor Joel Souza.

— Rust é obviamente uma tragédia horrível. Esperamos que a investigação seja resolvida em breve e que revele o que aconteceu. Obviamente, haverá pessoas por aí que terão perspectivas negativas, mas estamos confiantes que continuaremos fazendo filmes de qualidade — disse Nigam à revista Hollywood Reporter, nesta segunda-feira.

O produtor disse que pretende retomar as filmagens da obra assim que a investigação pela polícia de Santa Fé for encerrada.

Em abril, a produtora responsável pelo faroeste foi multada em US$ 139 mil, o que corresponde a R$ 640 mil, por conta do acidente.

Alec Baldwin, que além de atuar também era produtor do filme, disse após o tiro acidental que achava que que a arma não continha munições reais e que ele não puxou o gatilho. Ele negou responsabilidade na morte de Hutchins e afirmou ainda que munições reais não deveriam estar presentes no set de filmagem.

Veja também

Rapper Snoop Dogg exalta batata de Marechal em rede social; veja vídeo
REDES SOCIAIS

Rapper Snoop Dogg exalta batata de Marechal em rede social; veja vídeo

Famosas apoiam Klara Castanho após carta aberta da atriz sobre estupro e gravidez
REDES SOCIAIS

Famosas apoiam Klara Castanho após carta aberta da atriz sobre estupro e gravidez