Paralisação

Sindicato dos atores e estúdios de Hollywood prorrogam negociações para julho e evitam greve

Esta semana, circulou carta assinada por mais de mil atores de alto nível, como Fran Drescher, Meryl Streep, Jennifer Lawrence...

Letreiro de Hollywood Letreiro de Hollywood  - Foto: Thomas Wolf/Wikimedia Commons

Depois do fim do contrato atual do SAG-AFTRA (sindicato de atores) com os estúdios, ambos os lados estão considerando estender as negociações até a próxima semana ou um pouco mais tarde. Essa extensão pode durar até 7 de julho, segundo fontes ouvidas pelo Deadline. O contrato expirou nesta sexta-feira (30) à meia-noite em Hollywood, 4h da manhã no Brasil.

As apostas são altas neste ponto entre ambas as partes, especialmente depois de uma carta assinada por mais de mil atores de alto nível, incluindo a presidente do sindicato, Fran Drescher, que veio a público esta semana. Assinada por nomes como Meryl Streep, Jennifer Lawrence, Julia Louis-Dreyfus, Amy Schumer e mais, a carta diz que eles estão “preparados para atacar” em suas negociações com estúdios e streamers.

Nesse contexto, uma extensão pode ser vista como algo positivo por enquanto, independentemente do final do jogo, dizem os especialistas. No entanto, a divulgação pública da carta dos atores, que cresceu de 300 assinaturas para mais de mil em menos de um dia, definitivamente mudou o clima das conversas para “complicado”, diz uma fonte.

Outra fonte disse ao Deadline que o objetivo da possível extensão é “para que todos passem o feriado”. Este fim de semana é estendido por causa do feriado de 4 de julho que cai na terça-feira.

A prorrogação é quase uma tradição nas conversas entre os estúdios e o sindicato dos atores. Tanto em 2014 quanto em 2017, as negociações ultrapassaram o prazo do contrato até o início de julho.

Com o os roteiristas agora em seu 58º dia de greve, a produção de longas e TV já está diminuindo, e uma greve dos atores paralisaria todas as filmagens em todo o mundo. Existem várias produções de longa-metragem correndo para ultrapassar a linha antes que uma greve de atores entre em vigor, caso isso ocorra.

Liderado por Drescher e o negociador-chefe Duncan Crabtree-Ireland, o sindicato dos atores entrou nessas negociações munido de uma autorização de greve aceita por quase 98% de seus membros.

Embora uma extensão possa aliviar um pouco a pressão, o fato é que “uma greve não pode ser retirada da mesa até que as negociações finais sejam interrompidas”, disse uma fonte da indústria sem rodeios.

Veja também

Sertanejo Chrystian, ex-dupla de Ralf, é hospitalizado e quadro exige repouso imediato
cantor

Sertanejo Chrystian, ex-dupla de Ralf, é hospitalizado e quadro exige repouso imediato

Ex-Pânico Carlinhos Mendigo vai ficar preso por 30 dias, determina Justiça
Carlinhos Mendigo

Ex-Pânico Carlinhos Mendigo vai ficar preso por 30 dias, determina Justiça

Newsletter