Tradição cultural do nosso Natal

Garanhuns oferece shows nos fins de semana dentro da programação do Natal Luz, que segue até 23 de dezembro

Líder da chapa das oposições, Armando Monteiro oficializará sua chapa no dia 4 de agostoLíder da chapa das oposições, Armando Monteiro oficializará sua chapa no dia 4 de agosto - Foto: Rafael Furtado/Folha de Pernambuco

 

Luzes piscando sem parar, canções natalinas tocando por todos os cantos, Papai Noel distribuindo sorrisos por onde passa. Ainda estamos em novembro, mas esse já é o cenário encontrado por quem visita Garanhuns, distante a cerca de 230 km do Recife. Desde o último dia 11, a cidade do Agreste de Pernambuco vive o Natal Luz 2016, que deve atrair moradores e turistas até o final do ano, com apresentações culturais, decoração especial e desfiles de carros alegóricos.
Seguindo o tema “A magia do Natal”, as principais ruas, avenidas e praças do município receberam ornamentos que remetem ao clima lúdico da festividade. A fachada do Palácio Celso Galvão, sede da prefeitura local, foi toda iluminado para o evento. Do mesmo modo, a Praça Tavares Correia, onde fica o famoso Relógio das Flores, foi enfeitada conforme a ocasião. Toda a decoração envolveu 50 artesões locais, que desde fevereiro se dedicaram à produção de bichos de pelúcia, duendes, doces e outros objetos.
A programação cultural é mais um item atrativo do festejo natalino garanhuense. As apresentações estão divididas em três polos fixos, além dos bairros periféricos. A abertura ficou por conta de quatro artistas locais: Kiara Ribeiro, Andrea Amorim, Amanda Back e Hercinho Gouveia. Hoje, às 20h, Kiara Ribeiro volta ao palco, além do cantor Cafuringa. Amanhã, a partir das 19h30, Cavalo Marinho da Apae Garanhuns, Orquestra Meninos de Saloá e Big Band Jazz Premium comandam a noite.

 As apresentações musicais ocorrem sempre nos finais de semana. Um dos destaques da programação é o show “Natal sanfonado”, que vai reunir forrozeiros como Maciel Melo, Petrúcio Amorim, Nádia Maia e Irah Caldeira, no dia 23 de dezembro.
Ao visitar Garanhuns, é quase impossível não lembrar de Gramado, que há três décadas organiza um Natal famoso em todo o Brasil. A cidade gaúcha serviu sim de inspiração, mas o projeto pernambucano guarda algumas particularidades. “Em primeiro lugar, as atrações são totalmente gratuitas. Fora isso, a gente não se esquece dos nossos folguedos populares, como reisado, cavalo marinho e pastoril. Acho que a tradição e essa cultura importada, que faz parte do universo natalino, podem conviver bem”, diz Cirlene Leite, Secretária de Cultura.
“Esse é o quarto ano que realizamos esse projeto. O Natal agrega toda a família: pai, mãe, filhos e avós. Por isso, achamos estratégico investir nessa festa, que atrai visitantes para a cidade e movimenta o nosso comércio. Queremos que, a cada ano, mais e mais pessoas conheçam o Natal de Garanhuns”, afirma Izaías Régis, prefeito do município.

A estimativa da Secretaria de Turismo é receber mais de 230 mil turistas, vindos não só de cidades vizinhas a Garanhuns, mas também do Recife e de outros estados do Nordeste. Para o mês de dezembro, embora toda a rede hoteleira do município já esteja ocupada, alguns moradores estão disponibilizando as suas casas para aluguel.
*O repórter viajou a convite da Prefeitura de Garanhuns

 

Veja também

Entidade assume Theatro Municipal sem concorrência pública após edital ser suspenso
SÃO PAULO

Entidade assume Theatro Municipal sem concorrência pública após edital ser suspenso

Cartolouco pede Luiza Ambiel em namoro no palco do programa Hora do Faro
Reality Show

Cartolouco pede Luiza Ambiel em namoro no palco do programa Hora do Faro