A-A+

Troça Carnavalesca Mista Jurídica Causa Ganha recebe sua 4ª edição neste sábado

Os maestros Carlos Rodrigues, Oséas e Lessa comandam a prévia carnavalesca

A agitação acontece no Clube Atlântico de Olinda a partir das 14hA agitação acontece no Clube Atlântico de Olinda a partir das 14h - Foto: Anderson Stevens/Arquivo Folha

O pensamento do pernambucano depois da virada de ano se volta para um dos maiores símbolos do Estado: o Carnaval. E é assim que a Troça Carnavalesca Mista Jurídica Causa Ganha recebe sua 4ª edição, neste sábado (04), às 14h, abrindo, aliás, a agenda das prévias carnavalescas 2020 de Olinda. A festa acontece no Clube Atlântico e terá grande encontro dos mestres que animam as agremiações: Carlos Rodrigues, do Homem da Meia Noite; Oséas, à frente do Ceroula e Boi da Macuca; e Lessa, da Pitombeira dos Quatro Cantos e Tá Maluco. Os ingressos estão à venda no Sympla, a partir de R$30.

Leia também:
Calendário de prévias carnavalescas se intensifica a partir deste domingo
Marcelo Falcão e Nação Zumbi abrem carnaval do Parador

A "Troça Carnavalesca Mista Jurídica Causa Ganha" foi fundada em 2016 por um grupo de advogados do grupo Andrade & Ferreira. Sílvio Andrade, organizador e um dos fundadores do bloco, conta como surgiu a troça carnavalesca: "Como olindenses natos, pensamos em criar uma troça justamente como termo que usamos muito, 'causa ganha'. Nossa proposta é sempre fazer algo diferente. E sempre levamos uma causa para defender. A causa da gente é o frevo o ano inteiro. Por isso que estamos promovendo eventos durante o ano todo.Também esse ano vamos destinar a parte dos recursos ao projeto social Orquestra Jovem Henrique Dias. A escola é uma renovação de músicos. A nossa causa principal sempre será o social", enfatizou.

A abertura do evento conta com apresentação inédita dos músicos da Orquestra Jovem da Henrique Dias. Depois, acontece o grande momento da noite com o encontro dos três artistas. O trio divide o momento em frevo de rua, frevo de bloco e frevo-canção. Segundo Sílvio, a proposta vem como algo novo para cultura pernambucana: "Chamamos três ícones do Carnaval para uma roda de frevo com um formato multishow. Estamos montando três palcos e as músicas vão tocar de forma alternada. E o público no meio. Isso é uma forma inovadora. E contamos com uma ótima escolha do local, com o Clube Atlântico que é um templo do frevo. O encerramento acontece com arrastão de frevo até os Quatro Cantos, Centro Histórico de Olinda".

Em entrevista à Folha de Pernambuco, o Maestro Carlos ressalta a importância do novo projeto idealizado pela Troça. "A gente vem se preparando paras as prévias e para o Carnaval. Ficamos eufóricos. A Roda do Frevo é um projeto interessante. Deveria existir faz tempo. Da mesma forma que tem roda de samba foi criada a roda de frevo. Nós três somos referências no Carnaval de Olinda. Já chegaram até falar que éramos rivais. E não existe essa rivalidade. O interesse da gente é fazer aquele carnaval brilhoso e sem violência. Tocar frevo pra brincar e cantar. A expectativa é enorme", enfatizou.


Serviço:
Troça Carnavalesca Mista Jurídica Causa Ganha
Sábado (04), às 14h, Clube Atlântico Olinda
Ingressos: a partir de R$30, no Sympla


 

Veja também

Irmã de Britney Spears diz que os pais a pressionaram a abortar aos 16 anos
JAMIE LYNN SPEARS

Irmã de Britney Spears diz que os pais a pressionaram a abortar aos 16 anos

Investigação sobre tiro de Alec Baldwin se concentra na custódia da arma
Tragédia no set

Investigação sobre tiro de Alec Baldwin se concentra na custódia da arma