Infantil

'Viva e Deixa Viver' promove contação de história neste sábado (27)

No evento, a entidade incluirá na programação brincadeiras e ciranda

Domingueira de Histórias no Centro Cultural Nação XambáDomingueira de Histórias no Centro Cultural Nação Xambá - Foto: Reprodução/Instagram

Leia também

• Orquestra Criança Cidadã abre vagas para cursos de construção de instrumentos musicais

• Natal Solidário da Ferreira Costa pretende presentear 1.636 crianças

Neste sábado (27), às 10h, o Parque Jardim do Baobá será palco de contações de histórias infantis, promovida pelos contadores do ONG 'Viva e Deixa Viver'.

A entidade que completa 18 anos em 2021, incluirá na programação do evento brincadeiras e uma ciranda ao som do saxofone do músico Deyvson Pereira.

Fundada em 1997, a Associação Viva e Deixe Viver  é uma Organização da Sociedade Civil (OSC) que conta com o apoio de voluntários que se dedicam a contar histórias para crianças e adolescentes hospitalizados.

Seu intuito é transformar a internação hospitalar num momento mais alegre, agradável e terapêutico, além de contribuir para a humanização da saúde, causa da entidade.

Na capital pernambucana desde 2003 e com 100 voluntários atualmente, a ONG atende a Associação de Assistência à Criança Deficiente (AACD), Hospital Infantil Maria Lucinda, Hospital Pediátrico Helena Moura, Hospital Universitário Oswaldo Cruz (HUOC), Instituto de Medicina Integral Professor Fernando FIgueira (IMIP) e Instituto do Fígado e Transplantes de Pernambuco (IFP).

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

A post shared by Viva e Deixe Viver Recife (@vivaedeixeviver_pe)


SERVIÇO

Comemoração do 18º aniversário da Associação Viva e Deixe Viver no Recife

Data: 27 de novembro, às 10h
Local: Parque Jardim Baobá, no bairro das Graças

Veja também

Episódios finais de Stranger Things geraram mais de 2,6 milhões de Tweets no Brasil
Streaming

Episódios finais de Stranger Things geraram mais de 2,6 mi Tweets

Livro resgata a história da cana-de-açúcar em Pernambuco
Livro

Livro resgata a história da cana-de-açúcar em Pernambuco