Celebridades

Zezé Motta diz que buscou ajuda para evitar depressão na pandemia

Entre os desafios enfrentados por ela nesse período estiveram a morte da mãe, Maria Elazir, aos 85 anos, e do sobrinho Luís Antonio

Atriz Zezé Motta enfrentou uma depressãoAtriz Zezé Motta enfrentou uma depressão - Foto: Reprodução/Instagram

 Zezé Motta, 76, contou que precisou de ajuda profissional para lidar com as emoções que a quarentena causada pela pandemia de Covid-19 teve sobre ela. 
"Vivi o tédio, a insônia, o distanciamento dos meus filhos pela Covid", contou na gravação do programa O Mundo Pós-Pandemia (CNN Brasil). "Quando percebi que tudo isso poderia resultar em depressão, busquei ajuda."

Entre os desafios enfrentados por ela nesse período estiveram a morte da mãe, Maria Elazir, aos 85 anos, e do sobrinho Luís Antonio. "O ano me trouxe duas grandes perdas, ainda preciso lidar com elas", disse.

Ela também discorreu sobre o alto índice de mortes que o coronavírus vem provocando em todo o mundo. "É muito difícil lidar com as estatísticas dos que se vão", avaliou. "A pandemia não nos deixa mentir: somos todos iguais."

A atriz e cantora, que tem no currículo mais de 55 filmes, 35 novelas e 14 discos gravados em 54 anos de carreira, falou ainda sobre como percebe hoje o preconceito racial no Brasil. "Agora é escancarado", afirmou. "A luta do racismo não pode ser apenas a pauta dos negros."

Veja também

Após desfalcar The Voice Kids, Claudia Leitte volta como jurada em versão sênior do programa
disputa musical

Após desfalcar The Voice Kids, Claudia Leitte volta como jurada em versão sênior do programa

Com A Fazenda, Record fica à frente da Globo pela terceira vez em uma semana
televisão

Com A Fazenda, Record fica à frente da Globo pela terceira vez em uma semana