Um dos maiores sucessos de Al Jarreau foi "Moonlighting", a música tema do seriado cult dos anos 80 de mesmo nome e conhecido no Brasil como "A Gata e o Rato"
Um dos maiores sucessos de Al Jarreau foi "Moonlighting", a música tema do seriado cult dos anos 80 de mesmo nome e conhecido no Brasil como "A Gata e o Rato"Foto: Fabrice Coffrini/AFP

A lenda do jazz Al Jarreau, que levou sua música a novos públicos no mundo pop, faleceu neste domingo, aos 76 anos - informou seu agente. O sete vezes ganhador do Prêmio Grammy - em variadas categorias, entre elas, jazz, pop e R&B - morreu em um hospital de Los Angeles, dias depois de anunciar que ia se aposentar devido à exaustão.

A causa de sua morte não foi revelada, mas, há seis anos, sofreu problemas respiratórios durante uma viagem à França. Há apenas alguns meses, o ex-presidente dos Estados Unidos Barack Obama lhe prestou uma homenagem na Casa Branca, no Dia Internacional do Jazz.

Um dos maiores sucessos de Al Jarreau foi "Moonlighting", a música tema do seriado cult dos anos 80 de mesmo nome e conhecido no Brasil como "A Gata e o Rato", o primeiro sucesso do ator Bruce Willis. "Sua segunda prioridade na vida era a música", declarou seu representante, Joe Gordon, em um comunicado postado no site do cantor.

"Não tinha terceira prioridade. A primeira, muito antes das outras, era curar e consolar os que sofrem", acrescentou. Nascido em 12 de março de 1940 em Milwaukee (norte), Alwyn Lopez Jarreau era filho de um pastor e de uma pianista de igreja.

Começou a cantar muito jovem nos bares de sua cidade natal, onde sua voz não passou despercebida. Depois estudou psicologia, sem jamais abandonar a música. Fez nome em Los Angeles, Nova York e por meio de suas aparições na televisão.

No início dos anos 1970, começou a compor suas próprias canções, como "Lock all the gates" e "Sweet potato pie".

Em 2006, uniu-se a George Benson para produzir o álbum "Givin'It Up". Paul McCartney, Herbie Hancock e Marcus Miller foram alguns dos músicos convidados para esse disco. Foi um dos artistas que cantaram, em 1985, o tema "We Are the World", música escrita por Michael Jackson e Lionel Richie para arrecadar dinheiro contra a fome que castigava a Etiópia.

Sempre elegante, geralmente usando gorro ou boina preta, Jarreau foi um homem generoso e refinado, muitas vezes desdenhado pelos puristas do jazz que o consideravam um cantor de variedades, algo que não o incomodava em nada. "Minha principal contribuição para a música terá consistido em introduzir o ritmo no registro vocal", resumiu em cerca ocasião.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: