Audiodescrição é uma das formas de incluir pessoas com baixa visão ou cegas em espetáculos artísticos
Audiodescrição é uma das formas de incluir pessoas com baixa visão ou cegas em espetáculos artísticosFoto: Rafael Amambahy/Divulgação

Para se tornarem mais inclusivos para pessoas com deficiência, espetáculos artísticos e manifestações culturais têm buscado soluções de acessibilidade. Para pessoas cegas ou com baixa visão, a audiodescrição é uma saída. É pensando nessas soluções que a especialista Lívia Motta discutirá o tema "Audiodescrição para Musicais e Espetáculos de Dança" durante 3º Encontro (Inter)Nacional de Audiodescrição, que acontecerá no novo edifício do Porto Digital, no dia 28 de abril. O debate começa às 15h. 

Além da discussão de Lívia, uma mesa redonda também contará com temas como "Audiodescrição de Espetáculos Infantis", com Andreia Paiva (SP), além de espaços sobre audiodescrição em exposições, grandes eventos e eleições.

Lívia Motta é uma das pioneiras da audiodescrição no Brasil, e também é uma das organizadoras do Encontro. Ela é responsável pela apresentação da primeira peça brasileira com audiodescrição no Teatro Vivo e da primeira ópera brasileira com audiodescrição no Teatro Amazonas. Ela também esteve á frente do primeiro casamento com audiodescrição no país. 

Para a especialista, a audiodescrição nas artes vai além de preparar o roteiro de audiodescrição, mas é também conhecer a linguagem teatral, o espetáculo e saber quais são os melhores momentos de inserção. Esse tipo de acessibilidade ainda é considerado um desafio para trazer pessoas com deficiência visual aos bens culturais. Para o espetáculo, o desafio vai da divulgação à estrutura do espaço que o recebe, que precisa ser acessível. 

SERVIÇO:
3º Encontro (Inter)Nacional de Audiodescrição
Quando: 26 a 29 de abril de 2017
Onde: Novo Prédio do Porto Digital (Rua do Apolo, 235, Bairro do Recife)
Inscrições e informações: www.encontrointernacionalad.com

Audiodescrição é uma das formas de incluir pessoas com baixa visão ou cegas em espetáculos artísticos
Audiodescrição é uma das formas de incluir pessoas com baixa visão ou cegas em espetáculos artísticosFoto: Rafael Amambahy/Divulgação
Livia Motta é especialista e pioneira em audiodescrição no Brasil
Livia Motta é especialista e pioneira em audiodescrição no BrasilFoto: Divulgação

veja também

comentários

comece o dia bem informado: