Perto de completar 88 anos, Silvio Santos não sinaliza aposentadoria
Perto de completar 88 anos, Silvio Santos não sinaliza aposentadoriaFoto: SBT/Divulgação

Silvio Santos é, indiscutivelmente, uma das figuras mais emblemáticas da TV brasileira. São quase seis décadas de uma relação estreita com a linguagem televisiva, seja como apresentador de programas de auditório ou como proprietário de uma das três maiores emissoras nacionais. Apesar de toda a exposição de sua imagem, o dono do SBT faz questão de manter os bastidores de sua vida fora do alcance midiático, sem dar entrevistas e omitindo informações pessoais. "Topa tudo por dinheiro - As muitas faces do empresário Silvio Santos", novo livro do jornalista e crítico de televisão Mauricio Stycer, promete ajudar a desvendar alguns dos mistérios em torno do comunicador.

Essa não é a primeira vez que a trajetória do "Homem do Baú" é contada em livro. Há ao menos seis biografias já publicadas sobre o empresário e animador. Stycer quis inovar em sua abordagem, corrigindo alguns mitos, apontando truques e criticando absurdos.

"Enxergo que, apesar da abundância, havia um vazio a ser preenchido. Tive a pretensão de mostrar que Silvio Santos é uma figura complexa, de carne e osso, e não um herói mitológico. Não sei se consegui, mas tentei alcançar este objetivo levantando histórias que mereciam ser contadas de forma mais objetiva e questões que deveriam ser discutidas sob um ponto de vista crítico", conta o escritor.

Leia também:
[Entrevista] José Celso Martinez fala sobre teatro, política e disputa com Silvio Santos
Crítica: 'Blues for Lady Day' é biografia emocional de Billie Holiday
Livro conta a história de 60 mulheres que mudaram o mundo
Silvio Santos nega apoio a Bolsonaro e diz que não revela voto


Para construir o livro, Stycer partiu de depoimentos e dados colhidos em biografias - não só do comunicador, mas também de outras personalidades - e reportagens. O próprio Silvio Santos, porém, recusou ser entrevistado, apenas desejando boa sorte ao autor através de sua assessoria de imprensa.

Mesmo assim, o jornalista conseguiu montar um recorte bem detalhado de momentos curiosos e polêmicos do apresentador, como suas tentativas de se aproximar da política ou a compra da Record, na década de 1970, por meio de "laranjas". Também chamam atenção histórias pouco conhecidas da vida particular do biografado, como o fato de ter escondido durante anos o seu primeiro casamento, com Cidinha Abravanel, que faleceu em 1977.

Muricio Stycer, jornalista e crítico de televisão

Muricio Stycer, jornalista e crítico de televisão - Crédito: Renato Parada/Divulgação



Comerciante de si mesmo

No primeiro capítulo de sua obra, o escritor aponta as diferenças de Silvio em relação a outros proprietários de canais de televisão de sua época. "Era um comerciante que enxergou na TV o melhor meio de vender os seus produtos (Baú da Felicidade). Como dono de uma rede de TV, ele se comportou como vários de seus colegas, com a diferença, como ele mesmo diz, que adora televisão. Outra grande diferença é o fato de ser ao mesmo tempo um animador, um vendedor de si mesmo. Mostro no livro como o seu incrível poder de comunicação, em um auditório, o ajudou muito como homem de negócios, longe dos holofotes", defende.

Perto de completar 88 anos de idade, Silvio não dá sinais de que pretende abandonar os negócios e as câmeras tão cedo. Pensar a existência do SBT sem o seu fundador - que sempre interveio em todas as áreas da emissora - é um exercício mental difícil. Segundo Stycer, Silvio não quer a aposentadoria, mas já traça planos para o futuro de sua empresa.

"Do ponto de vista dos negócios, me parece claro que ele já tomou várias providências para a sua sucessão. Decretos assinados pelo presidente Temer em 2017 transferiram a posse das concessões dos canais de TV para as filhas. A parte administrativa do SBT já conta com efetiva atuação delas. A questão que resta, e me parece insolúvel, é imaginar que alguém pode ocupar o lugar do Silvio em um auditório de televisão. Não há ninguém capaz de fazer isso", afirma.

Serviço
"Topa tudo por dinheiro - As muitas faces do empresário Silvio Santos", de Mauricio Stycer (256 páginas; Editora Todavia)
Preço médio: R$ 54,90

 

veja também

comentários

comece o dia bem informado: