O youtuber Felipe Neto
O youtuber Felipe NetoFoto: Reprodução/Instagram

Felipe Neto disse que irá processar o deputado estadual Bruno Engler (PSL-MG), que postou nas suas redes sociais um vídeo no qual o youtuber fala sobre sexo. A edição dá a entender que o conteúdo era destinado a crianças –ele termina com a imagem uma boneca suja e jogada numa sarjeta.

"Será processado e vai ter que pagar pelo que promoveu", escreveu Felipe Neto.

O vídeo vinha circulando nas redes ao longo da semana. Segundo a equipe do youtuber, o perfil de Victor Marques, policial militar que trabalha no gabinete do deputado, foi um dos principais responsáveis por viralizar o vídeo.

Leia também:
Sob Lula, PT autoriza alianças com centrão, PSDB, DEM e até PSL
Felipe Neto dá bronca em Boninho e diz saber coisas repugnantes sobre participante


Após reportagem da revista Época, Engler escreveu que a publicação estava "acusando meu assessor de promover fake news contra o Felipe Neto por causa desse vídeo. Assistam o vídeo completo e tirem suas próprias conclusões".

Em março do ano passado, um texto publicado no site Terça Livre usou falas deturpadas de uma jornalista para dizer que sua intenção era "arruinar" o governo de Jair Bolsonaro. A autora era assessora de imprensa e responsável pelas mídias digitais de Bruno Engler.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: