A 13ª edição da Terça Negra vai homenagear o mestre baiano Moa do Katendê
A 13ª edição da Terça Negra vai homenagear o mestre baiano Moa do KatendêFoto: Divulgação/PCR

O Pátio de São Pedro será, mais uma vez, o ‘palco’ da 13ª edição da Terça Negra, celebração à cultura de matriz africana que, na noite desta terça (23), renderá homenagem ao mestre Moa do Katendê - compositor, percussionista, artesão, educador e mestre de capoeira baiano, assassinado no último dia 8, após uma discussão política.

O projeto, aberto ao público e a céu aberto, tem início às 19h com uma roda de capoeira e às 20h acontece a apresentação do Maracatu do Século 21. Já às 21h é a vez da banda Bojo da Macaíba comandar a festa, que será encerrada com show do Pandeiro do Mestre, a partir das 22h.

Leia também:
Terça Negra homenageia Marielle Franco
Julho das pretas: mulheres negras movem o Brasil
Comissão inocenta juíza no caso de advogada negra algemada
Bolsonaro responsabiliza negros por escravidão e propõe redução de cotas
Boticário faz vídeo com família negra, recebe 17 mil dislikes e é alvo de críticas racistas


Terça Negra
Realizada uma vez por mês, a Terça Negra é uma iniciativa do Movimento Negro Unificado e tem apoio da Prefeitura do Recife, através da Secretaria de Cultura, da Fundação de Cultura Cidade do Recife e do Núcleo da Cultura Afro-brasileira.


Serviço
Terça Negra em homenagem a mestre Moa do Katendê
Terça (23), no Pátio de São Pedro, bairro de Santo Antônio, 19h
Acesso gratuito


veja também

comentários

comece o dia bem informado: