Salomão Kelner e sua esposa, Miriam Ludmer
Salomão Kelner e sua esposa, Miriam LudmerFoto: Divulgação

Preso político da ditadura, médico humanista, professor e fundador do Mestrado em Cirurgia da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), o médico Salomão Kelner (1916-2003) foi um grande defensor de uma visão diferente sobre a medicina no estado de Pernambuco. Por esse motivo, será homenageado com perfil biográfico organizado pelos médicos Gilda Kelner, filha de Salomão, e Djalma Agripino de Melo Filho, e editado pela Cepe. A obra será lançada nesta quinta-feira (23), às 19h, no Museu do Estado de Pernambuco (Mepe).

Próximos do médico, os organizadores do livro trazem a trajetória acadêmica, científica, depoimentos e textos escritos pelo próprio Salomão. Para Gilda, que passou dois anos reunindo documentos para o livro, "a história de meu pai merece registro especial por sua preocupação com as camadas desfavorecidas da sociedade". Djalma, especialista em saúde pública e epidemiologia e ex-aluno de Kelner, complementa: “Naquela época já pude constatar sua sabedoria e seu compromisso com o ensino público de qualidade”.

Leia também:
Cepe abre nova unidade no Museu do Estado
Filme, livro e HQ marcam os 150 anos da morte de Allan Kardec
Cepe relança livro clássico de Silviano Santiago


Kelner, que estendia sua sensibilidade para além da medicina, enfrentou a ditadura e esteve ao lado do seu amigo, Miguel Arraes. Durante a prisão do político, Kelner o presenteou com uma tela do pintor Cícero Dias. Além de Arraes, o médico - socialista declarado - já tinha apoiado politicamente Juscelino Kubitscheck e Pelópidas Silveira, mas a militância vem desde o movimento estudantil.

Dessa maneira, voltar à história de Salomão é uma forma de proporcionar uma discussão sobre trabalho e sensibilidade ético-social. É o que aponta Gilda, que fala do seu pai como “um profissional muito envolvido e comprometido com todas as suas áreas de atuação, como praticante da ética médica com uma visão abrangente da profissão, articulada com os problemas sociais do Recife”. "Esta história precisa ser contada”, defende a filha de Salomão Kelner.

Serviço:
Lançamento do livro "Salomão Kelner - Um Marco na Medicina Pernambucana"
Museu do Estado de Pernambuco (Mepe - av. Rui Barbosa, 960, Graças)
Nesta quinta-feira (23), às 19h
Preço: R$ 100 (livro impresso); R$ 30 (ebook)

veja também

comentários

comece o dia bem informado: