Sucos naturais repõem os nutrientes de forma mais rápida
Sucos naturais repõem os nutrientes de forma mais rápidaFoto: Ed Machado/Folha de Pernambuco

A época da comilança acabou e é chegada a hora de restabelecer o corpo para a rotina alimentar, longe das festas de confraternização e da fartura na mesa de fim de ano. Seguir uma dieta detox pode ser a pedida do momento. E é, se o cardápio atender o aporte nutricional que o organismo precisa para se recompor depois da ingestão de tantas calorias, excesso de bebida alcoólica e poucas horas de sono.

Quem nunca se preocupou com uma dieta saudável antes, é bom ter em mente que todas as refeições do dia precisarão ser mexidas. Segundo a nutricionista coordenadora de projetos na E4 Agência, especializada no ramo de nutrição, Fernanda Seiffer, o cardápio deve conter alimentos saudáveis que darão energia para os dias pós-festas. Sendo assim, no café da amanhã, por exemplo, a dica é preparar um suco verde à base de couve, hortelã, limão, água de coco e abacaxi. “É fundamental para iniciar o dia com antioxidantes em grande proporção, além de contribuir para a eliminação de líquidos em excesso. Já a panqueca de banana é fonte de energia e carboidratos de absorção lenta, por ser feita com o farelo da aveia, garantindo uma maior concentração de fibras solúveis, chamadas de betaglucanas, e amido resistente”, explica.

Já o almoço deve ser leve e balanceado, tendo como ponto de partida o consumo de alimentos de origem vegetal, ricos em fibras e fitoquímicos que promovem o equilíbrio corporal. “O ideal é começar com um prato de salada de folhas verdes e palmito, temperado com um fio de azeite e sumo de um limão, para facilitar a digestão e fornecer vitamina C e ômega 9. Os legumes assados com ervas são fontes de fibras e carboidratos de absorção lenta, garantindo energia sem provocar pico de glicose e hipoglicemia de rebote”, orienta Seiffer. 


Leia também:
Nutrição Comportamental
Conheça o cardápio que garante a saúde da próstata
Especiarias: pequenas doses de saúde


Para o jantar, a recomendação é uma sopa de abóbora com gengibre, opção rica em betacaroteno e gingerol, importantes antioxidantes úteis na redução de radicais livres que se acumulam com o excesso de alimentos calóricos. A melancia, por sua vez, é fonte de citrulina, aminoácido precursor da arginina e que promove a dilatação dos vasos sanguíneos, contribui para a entrega de nutrientes aos tecidos corporais, além de ser rica em água e auxiliar na hidratação.

Hora do lanche


Para recolocar a alimentação nos trilhos, a coach nutricional Gabi Lodewijks também sugere a chamada sopa detox pós-ceia, além de um suco verde à base de maçã verde, gengibre e folhas de couve, à base de frango, abobrinha, chuchu, repolho, cenoura, couve, brócolis e abóbora. “Também evite o consumo de gorduras, frituras e doces. Coma duas a três frutas por dia, e salada verde à vontade. Beba entre 1,5 e dois litros de água diariamente e faça alguma atividade física pelo menos três vezes na semana ou caminhadas diárias de, no mínimo, 30 minutos”, acrescenta.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: