Aeroporto do Recife registra alta de quase 10% nas exportações

Terminal logístico do equipamento movimentou um volume maior de cargas na relação com 2015

Terminal de logística do Aeroporto do RecifeTerminal de logística do Aeroporto do Recife - Foto: Divulgação

As exportações através do Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes - Gilberto Freyre registraram uma alta de 9,8% no terminal logístico do equipamento. De janeiro a dezembro do ano passado, o complexo armazenou 5.254,4 toneladas em itens que seguiram para fora do País. Na comparação com 2015, foram movimentadas 4.782 toneladas.

Entre os itens mais movimentados no terminal de logística do aeroporto estão pescados e frutas, como manga e mamão. Além disso, outras exportações de destaque foram equipamentos e produtos médico-cirúrgicos; partes e peças automotivas; insumos e produtos eletroeletrônicos.

Os produtos são enviados para todo o mundo, com a média de três embarques diários, tendo 20 países como os principais destinos: Espanha, Portugal, Alemanha, Inglaterra, Itália, Suíça, Áustria e Holanda; na Europa; Estados Unidos, México e Canadá, na América do Norte; Argentina, Chile, Colômbia, Uruguai, Peru, Equador e Bolívia, América do Sul; Cuba e República Dominicana, na América Central; e Japão, Índia e China, na Ásia.

Com 6.125m² de área para cargas de exportação e importação, o terminal de logística do aeroporto apresenta um depósito de carga restrita, com capacidade diária de até 30 toneladas, e câmara frigorífica com módulos de resfriamento e congelamento. Especificamente para carga nacional, o terminal de cargas conta com dois anexos, com 3.967 m² de área construída.

Veja também

Fechamento de fábricas da Ford põe em dúvida futuro do setor no Brasil
Montadoras

Fechamento de fábricas da Ford põe em dúvida futuro do setor no Brasil

Pagamento de indenizações do DPVAT passa a ser feito pela CEF
Seguro

Pagamento de indenizações do DPVAT passa a ser feito pela CEF