Agrinordeste contará com 290 estandes

Maior evento indoor do agronegócio do Norte e Nordeste vai ocupar nove mil metros quadrados do pavilhão do Centro de Convenções

Pio Guerra, presidente da FaepePio Guerra, presidente da Faepe - Foto: Ed Machado / Folha de Pernambuco

Ao promover espaços para venda de produtos e discussões sobre as atividades agropecuárias, o Agrinordeste vai reunir ainda mais expositores para apresentar suas mercadorias. Haverá crescimento no número de estandes em comparação com 2018: serão 290 nesta 27ª edição - ano passado foram 250. A expectativa é que todos os estandes estejam ocupados com segmentos essenciais do setor, como avicultura, cana-de-açúcar e laticínios.

O Agrinordeste é o maior evento indoor do agronegócio do Norte e Nordeste do Brasil, com áreas de feiras, palestras, exposições e capacitações. Este ano será realizado de 24 a 26 de setembro, no pavilhão do Centro de Convenções de Pernambuco.

O presidente da Federação da Agricultura de Pernambuco (Faepe), Pio Guerra, destacou o crescimento do Agrinordeste durante encontro que reuniu gestores do agronegócio para lançar o evento, ontem, no JPCM Trade Center. “O evento começou em um auditório para palestras. Hoje, se tornou um grande momento para o setor, com atividades diversas. A perspectiva é que todos os 290 estandes sejam utilizados”, disse Guerra. Para isso, a feira ocupará uma área ainda maior, de nove mil metros quadrados (m²), crescimento de 33% comparado à feira anterior. 

Leia também:
Agrinordeste acende luz para a agropecuária
Agrinordeste reúne as comidas do campo no Centro de Convenções

Com realização da Faepe e apoio de diversas instituições, o evento deve receber mais de 40 mil visitantes - em 2018 foram 32 mil pessoas. “O evento é um dos mais significativos para o Estado e o Banco do Nordeste [BNB] vai estar presente com participação efetiva na realização das palestras, além de estande para apresentar o trabalho do banco em relação ao crédito rural”, disse o gerente executivo estadual do BNB, Josué Lucena.

Lista de espaços inclui Show de Lácteos, Show de Churrasco, Sabor do Campo e Feira do Campo, que reúnem a gastronomia rural. Haverá também o Espaço Moda Country com acessórios e itens da moda, além da 7ª Feira dos Produtores de Cana do Nordeste (Norcana). “Vamos expor insumos, equipamentos e conhecimento de irrigação para a cultura da cana. É importante mostrar o potencial do setor”, disse o presidente da Federação dos Plantadores de Cana do Brasil (Feplana), Alexandre Andrade Lima. 

A agricultura familiar também estará representada, com apoio do Ministério da Agricultura. “Serão cerca de 40 estandes para que produtores e associações familiares de vários estados apresentem seus alimentos”, disse o superintendente do ministério em Pernambuco, Carlos Ramalho.

Com entrada gratuita, os visitantes precisam se inscrever no site do Agrinordeste para participar. O horário de funcionamento será das 9h às 21h. Das 9h às 11h começam os seminários e depois a feira é aberta. 

 

Veja também

Dólar fecha em R$ 5,37 e tem maior queda em uma semana
BOLSA DE VALORES

Dólar fecha em R$ 5,37 e tem maior queda em uma semana

Governo celebra 20 anos de fundo que pode ser extinto por Guedes
fundos

Governo celebra 20 anos de fundo que pode ser extinto por Guedes