Alpargatas doa R$ 5 milhões a iniciativa de combate à Covid-19

Criada pelo Itaú Unibanco, a iniciativa tem quatro eixos de atuação junto à sociedade: informar, proteger, cuidar e retomar

Médicos socorrem paciente em UTIMédicos socorrem paciente em UTI - Foto: Kenzo Triboulliard / AFP

Para contribuir com o maior movimento social empresarial de combate à Covid-19, a Alpargatas doará R$ 5 milhões e 1 milhão de máscaras de tecido para a campanha Todos pela Saúde.

Criada pelo Itaú Unibanco, a iniciativa tem quatro eixos de atuação junto à sociedade: informar, proteger, cuidar e retomar.

Recém-integrada à lista de empresas que compõem a ação, a Alpargatas atua desde o início da pandemia com foco voltado à saúde e às comunidades vulneráveis.

Já foram anunciadas pela empresa de calçados doações de 1,3 milhão de máscaras de uso hospitalar, 250 mil pares de calçados Havaianas para comunidades assistidas pelo Instituto Alpargatas e 500 mil itens de cesta básica para famílias vulneráveis.

Leia também:
Médicos Sem Fronteiras vão de guerras ao combate à Covid-19 na cracolândia
OMS diz que cientistas precisam ajudar no combate à desinformação


Se somadas, as diversas iniciativas da empresa beneficiam a sociedade em mais de R$ 40 milhões.

"Nossa visão é que o caminho para superar essa crise humanitária é trabalhando de forma organizada, unindo esforços com outras empresas, representantes de comunidades, entidades de ajuda", afirma Roberto Funari, CEO da Alpargatas. "Acreditamos que com empatia e solidariedade somos mais fortes para combater o coronavírus e seus efeitos."

A distribuição das máscaras e os recursos aportados no Todos pela Saúde serão administrados por um grupo de especialistas liderado pelo médico Paulo Chapchap, doutor em clínica cirúrgica pela Universidade de São Paulo e diretor-geral do Hospital Sírio Libanês.

Essa equipe define as ações a serem financiadas, de forma que as decisões estratégicas sejam respaldadas por premissas técnicas e científicas.

Além de Chapchap, integram o grupo o médico e escritor Drauzio Varella, o ex-presidente da Anvisa Gonzalo Vecina Neto, o ex-diretor-presidente da Agência Nacional de Saúde (ANS) Maurício Ceschin, o consultor do Conselho dos Secretários de Saúde (CONASS) Eugênio Vilaça Mendes, o presidente do Hospital Albert Einstein, Sidney Klajner, e o presidente do Instituto de Biologia Molecular do Paraná (IBMP), instituição ligada à Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), Pedro Barbosa.

Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

 

Veja também

Morre Carlos Langoni, ex-presidente do BC, vítima de complicações da Covid-19
Luto

Morre Carlos Langoni, ex-presidente do BC, vítima de complicações da Covid-19

Mega-Sena: aposta única leva prêmio de R$ 43,2 milhões
Loteria

Mega-Sena: aposta única leva prêmio de R$ 43,2 milhões