CONEXÃO

Anatel libera 5G em mais 236 cidades; veja lista

Apesar de 4.134 municípios já estarem aptos a receber a quinta geração da telefonia, só 11,19% contam com rede instalada pelas teles

Conexão 5GConexão 5G - Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) vai liberar a ativação da rede 5G, de alta velocidade, em mais 236 municípios a partir da próxima segunda-feira, dia 27. Com isso, o total de cidades já aptas a oferecer a nova tecnologia chega a 4.134 localidades, que, juntas, somam 189 milhões de habitantes, cerca de 88,6% da população do país.

Com o anúncio, as operadoras de telecomunicações poderão já instalar suas antenas 5G nessas cidades. Mas do total liberado, apenas 463 localidades (11,19%) contam com ao menos uma estação de quinta geração. Isso ocorre porque as companhias analisam aspectos econômicos, como o total de usuários com celulares 5G antes de investir na ampliação de rede.

Nessa nova leva de cidades que estarão aptas a receber a infraestrutura estão localidades da Paraíba (140), Tocantins (54), Rondônia (39) e Minas Gerais (3). Com isso, serão 15 os estados com 100% de seus municípios com 5G. Faltam apenas Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Goiás, Acre, Amazonas, Pará, Piauí, Bahia, Ceará, Rio Grande do Norte e Pernambuco.

Em nota, o ministro das Comunicações, Juscelino Filho, disse que o cronograma vai até 2030. Lembro que o leilão de 5G ocorreu há três anos e prevê rede 5G nos mais de 5 mil cidades.

Atualmente, há 157 celulares aptos a rodarem em 5G puro, que confere velocidade até 20 vezes maior que o 4G. Segundo a Anatel, o total de conexões soma 9,4% dos 258,2 milhões de usuários. A quinta geração já ultrapassou o 2G (7,8%) e o 3G (7,5%). O 4G conta com 75,2% das linhas.

O país já tem quase 20 mil antenas capazes de oferecer tráfego no 5G puro, na faixa 3,5 GHz. Mas ainda há uma concentração nas 20 maiores cidades que somam 64,7% desse total.

Novas cidades liberadas:

5G em 100% dos estados:

Veja também

Arrecadação federal cresce 10,46% e chega a R$ 202,98 bilhões em maio
Governo

Arrecadação federal cresce 10,46% e chega a R$ 202,98 bilhões em maio

Bancos precisam discutir desafios éticos da IA, diz presidente da Febraban
Inteligência Antificial

Bancos precisam discutir desafios éticos da IA, diz presidente da Febraban

Newsletter