Aneel realiza segunda etapa de leilão de linhas de transmissão de energia para dez estados

Entre os estados, Pernambuco está na lista. Prazo para que as instalações entrem em operação é de 42 a 60 meses

Senador Ronaldo Caiado (E), vice-presidente da CPMI, e o presidente, Ataídes OliveiraSenador Ronaldo Caiado (E), vice-presidente da CPMI, e o presidente, Ataídes Oliveira - Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) realiza nesta sexta-feira (28), às 11h30, na BM&FBovespa, na capital paulista, a segunda etapa do Leilão de Transmissão número 13/2015 para contratação de serviço público de transmissão de energia elétrica na Bahia, Ceará, Goiás, Espírito Santo, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí e Rio Grande do Norte.

Segundo a Aneel, serão licitados 24 lotes com aproximadamente 6.800 quilômetros de linhas de transmissão e 6000 megavolt-ampère (MVA) de potência em subestações. O prazo para que as instalações entrem em operação é de 42 a 60 meses a partir da data de assinatura dos contratos de concessão.

A soma das Receitas Anuais Permitidas (RAP) máximas dos 24 lotes é de R$ 2,6 bilhões. O concessionário vencedor terá direito ao recebimento, por 30 anos, da RAP pela prestação do serviço, a ser recebida a partir da operação comercial do empreendimento.

A expectativa é a de que sejam investidos nos projetos R$ 12,6 bilhões, com geração de 25.658 empregos diretos.

Veja também

Venda de carros tem nova queda em fevereiro com piora na pandemia
Veículos

Venda de carros tem nova queda em fevereiro com piora na pandemia

BC iguala limite do Pix ao das transferências eletrônicas
Economia

BC iguala limite do Pix ao das transferências eletrônicas