Bancários organizam ato de repúdio contra a OAB-PE no Recife

Categoria vai realizar caminhada no Centro do Recife na tarde desta quarta-feira

Bell MarquesBell Marques - Foto: Divulgação

Em greve há 28 dias, os bancários pernambucanos se reuniram em assembleia na noite desta segunda-feira (3) no Recife. Na ocasião, eles reafirmaram a continuidade do movimento paredista e decidiram realizar um ato de repúdio contra a Ordem dos Advogados do Brasil – Secção Pernambuco (OAB) na próxima quarta-feira (5).

O ato é uma resposta ao pedido da OAB de aumentar a multa contra o descumprimento da liminar que determina o recebimento dos alvarás judiciais durante a greve. A entidade pediu até que, caso os documentos continuem sem ser pagos, a Justiça prenda a presidente do Sindicato dos Bancários de Pernambuco, Suzineide Rodrigues. Este pedido, porém, já foi indeferido pela juíza Mariana de Carvalho Milet, da 11ª Vara da Justiça do Trabalho do Recife. Em despacho assinado neste domingo (2), a juíza também marcou uma audiência de conciliação entre a categoria e a OAB para esta terça-feira (4).

Mesmo assim, os bancários marcaram uma caminhada de repúdio à OAB para quarta-feira. A categoria vai se reunir às 15h em frente à Caixa Econômica Federal da Praça da República para seguir até a sede da OAB-PE, no Centro do Recife. O ato foi organizado em assembleia que reuniu quase 200 bancários e apoiadores de entidades como Central Única dos Trabalhadores (CUT), Frente Brasil Popular e Movimento Sem-Terra (MST) na sede do sindicato, também no Centro do Recife.

Veja também

Banco Central registra recorde de remessas de dólares para Brasil
Moeda

Banco Central registra recorde de remessas de dólares para Brasil

Bolsonaro se irrita com homem que pediu para baixar preço do arroz
Arroz

Bolsonaro se irrita com homem que pediu para baixar preço do arroz