PIX

Banco Central lança novo relatório sobre chaves Pix para evitar fraudes; entenda

O documento apresenta o histórico completo as chaves ativas e excluídas

PixPix - Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

O Banco Central anunciou nesta terça-feira que as pessoas físicas e jurídicas podem acessar a partir de hoje diversas informações sobre suas chaves Pix, em um único relatório. A medida busca prevenir fraudes com cadastrados realizados de forma irregular.

Esse documento informa as chaves ativas e bloqueadas por ordem judicial. Também apresenta as chaves em reivindicação de posse, quando o usuário reivindica o domínio de determinada chave que está cadastrada para outra pessoa, como o número de telefone. Outro status é a chave, como CPF, em portabilidade de um banco para outro.

O relatório também traz o histórico de todas as chaves já excluídas pelo usuário, informando a data e a hora de exclusão.

“Essas novidades possibilitam que o cidadão identifique eventuais tentativas de fraudes utilizando chaves criadas em seu nome”, cita o BC, em nota.

Antes já era possível acessar um relatório no Registrado, mas apenas sobre as chaves atualmente cadastrados nos nomes dos usuários.

Como acessar?
A solicitação de acesso já pode ser feita pelo Registrato, sistema do Banco Central para consulta de empréstimos feitos pelos usuários, instituições bancárias cadastradas em seus nomes, ou dados de compra ou venda de moeda estrangeira, por exemplo.

Toda pessoa física usuária do Pix pode conseguir esse relatório. O requisito para ter acesso ao Registrado é ter conta gov.br nível prata ou ouro.

Veja também

PIS/Pasep 2024: abono salarial será pago nesta segunda-feira (15); veja se você tem direito
DIREITO

PIS/Pasep 2024: abono salarial será pago nesta segunda-feira (15); veja se você tem direito

AGU e Ministério da Gestão montam comissão para reforma administrativa
GRUPO

AGU e Ministério da Gestão montam comissão para reforma administrativa

Newsletter