Prefeitura do Paulista
Prefeitura do PaulistaFoto: Reprodução

Curso de qualificação profissional, atividades esportivas e artísticas são oferecidas pela Prefeitura do Paulista, através da Secretaria de Políticas Sociais e Esportes, totalizando 400 vagas. A iniciativa é gratuita e atende crianças, adolescentes, jovens e idosos.  Garanta uma das oportunidades oferecidas nas unidades da secretaria.

Na Estação da Cidadania, localizada na Rua Cidade Universitária, nº 84, no Janga, são oferecidas 150 vagas para aulas de judô, kickboxing, aikidô e jiu jitsu, para quem tem a partir de 10 anos de idade. As ins

Nesta segunda feira (1º.07), foram disponibilizadas 100 vagas para o curso de informática na Casa das Juventudes do Paulista. O curso é para os níveis Kids (de 8 a 13 anos); Jovens e adultos (14 a 29 anos); e informática para terceira idade (a partir dos 60 anos). Os interessados podem garantir uma das oportunidades até o dia 12 de julho. A Casa das Juventudes fica localizada na Rua Setenta e Sete, em Maranguape II.
Para se inscrever, nas atividades oferecidas nos dois locais os candidatos devem levar os seguintes documentos: RG, CPF, comprovante de residência e número do NIS. Na Estação da Cidadania o atendimento é feito de segunda a sexta-feira, das 8h às 14h e das 17h às 20h (para aulas de artes marciais).Já na Casa das Juventudes o atendimento acontece de segunda a sexta-feira, das 8h às 11h30 pela manhã; e das 14h às 17h no turno da tarde.

Agência do Trabalho de Pernambuco, na Rua da Aurora
Agência do Trabalho de Pernambuco, na Rua da AuroraFoto: Reprodução / Google Maps

A Agência do Trabalho do Recife, localizada na Rua da Aurora, vai receber currículos de pessoas que vão realizar um curso de capacitação gratuito de 100 horas para o setor industrial, que será promovido em duas etapas pela Secretaria do Trabalho, Emprego e Qualificação de Pernambuco. Mas é preciso ficar atento. A qualificação é específica para quem tenha experiência industrial e possua formação técnica em mecânica, mecatrônica, elétrica, eletrônica, química, química industrial e material e experiência industrial. Para que o candidato ou a candidata passe pela triagem e seja beneficiado com a qualificação, é necessário apresentar o currículo até o dia 8 de julho, impreterivelmente.

“A triagem dos futuros alunos e alunas ocorrerá por meio de avaliação curricular, e, posteriormente, aplicação de testes de conhecimento. Os candidatos ao curso que tenham o requisito e interesse poderão deixar o currículo na Agência do Trabalho da Boa Vista, do dia 02 até dia 08 de julho, das 07h30 às 13h30”, explicou a psicóloga da Agência, Thays Lima.

Segundo a coordenadora de monitoramento da qualificação, Lúcia Costa, a capacitação de 100 horas será feita em duas etapas. A primeira é para “Desenvolvimento de Competências”, com 40 horas. Quem concluir todo o processo, passará para a segunda etapa de técnica e gestão no setor industrial, com 60 horas.

O curso é uma iniciativa da Secretaria do Trabalho, Emprego e Qualificação para atender aos novos investimentos que estão chegando em Pernambuco na área industrial. “Esse curso vai ser muito importante para os trabalhadores que vão ter muito mais facilidade de entrar no mercado de trabalho. Com os investimentos que estão chegando em Pernambuco, muitas empresas já estão demandando por esses profissionais e interessadas na contratação e é certeza que esses profissionais serão

IFPE- Campus Recife
IFPE- Campus RecifeFoto: ASCOM/ IFPE

O Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia de Pernambuco (IFPE) abriu, nesta segunda-feira (1°), inscrições para concurso público que preencherá cargos técnico-administrativos. Estão sendo disponibilizadas 44 vagas para cargos de níveis médio e superior.

As vagas são para os cargos de Nutricionista, Odontólogo, Pedagogo, Psicólogo, Técnico em Assuntos Educacionais, Assistente em Administração, Técnico em Contabilidade, Técnico em Tecnologia da Informação (Desenvolvimento; Rede e Suporte;) Tradutor e Intérprete de Libras. Também há oportunidades para o cargo de Técnico em Laboratório em diversas áreas: Artes Visuais, Computação Gráfica, Enfermagem, Manutenção e Suporte em Informática, Rede de Computadores, Qualidade, Química, Segurança do Trabalho.

Há também reservadas para candidatos negros e pessoas com deficiência. A remuneração varia de R$ 2.446,96 a R$ 4.180,66, além do auxílio-alimentação no valor de R$ 458 e gratificação por titulações.

Leia também:
IFPE lança edital para cursos gratuitos de pós-graduação
Guedes diz que concursos públicos serão suspensos nos próximos anos


Todos os candidatos devem se submeter à prova escrita/objetiva de caráter eliminatório e classificatório. As provas escritas serão realizadas no dia 6 de outubro. Haverá prova prática para quem for concorrer aos cargos de Técnico em Laboratório, Técnico em Tecnologia da Informação e Tradutor e Intérprete de Libras.

Os interessados devem fazer as inscrições pelo site da instituição cvest.ifpe.edu.br até o dia 6 de agosto. É necessário o preenchimento de um formulário de inscrição e pagamento de taxa no valor de R$ 100 para cargos de Classe E e de R$ 80 para os cargos de Classe D. O pagamento deve ser feito no Banco do Brasil até o dia 7 de agosto.

Podem solicitar isenção da taxa de inscrição os candidatos que se enquadrarem nos critérios estabelecidos no edital. A solicitação pode ser feita de 1º a 3 de julho pelo site cvest.ifpe.edu.br. A lista dos candidatos contemplados com a isenção será divulgada no dia 16 de julho. Já o cartão de inscrição tem liberação programada para 13 de setembro, também no site.

O concurso tem validade de dois anos, mas pode ser prorrogado por igual período. Em caso de dúvidas, os candidatos podem entrar em contato com a comissão organizadora pelo e-mail [email protected].

Criação de emprego
Criação de empregoFoto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

A Scretaria do Trabalho, Emprego e Qualificação divulgou o quadro de vagas das Agências Estaduais do Trabalho para esta terça-feira (02). Há oportunidades em duas partes: em vermelho, as vagas para Pessoa Com Deficiência (PCD) e em preto aos demais. Confira os endereços e telefones das Agências do Trabalho no site da Seteq.

Telefone da Agência da Boa Vista: 3183.7065

vags1
vags2

Alissandra Oliveira é psicóloga e especialista em Gestão de Pessoas
Alissandra Oliveira é psicóloga e especialista em Gestão de PessoasFoto: Arthur de Souza/Folha de Pernambuco

Não basta apenas ter um bom currículo e experiência para assegurar seu espaço no mercado. As relações interpessoais e as habilidades comportamentais estão sendo cada vez mais valorizadas e demandadas pelas empresas, atentas a esses aspectos em recrutamentos e no próprio ambiente de trabalho. Nesse contexto, a gestão de imagem é fundamental para quem quer garantir uma vaga de emprego e construir credibilidade na carreira profissional. Para ajudar a desenvolver esses atributos, a Folha de Pernambuco consultou uma especialista para dar dicas importantes sobre o assunto.


A psicóloga Alissandra Oliveira, especialista em Gestão de Pessoas e com mais de 20 anos de experiência em Recursos Humanos orienta que as pessoas cuidem da gestão de imagem antes mesmo de conseguir um novo emprego. "É muito importante que a pessoa que está buscando uma recolocação no mercado de trabalho se preocupe com sua imagem profissional desde então. Não é só depois que entra numa empresa que deve se preocupar em como vai ser visto. A forma como interage nas redes sociais, as opiniões sobre temas polêmicos, a maneira como se veste e inclusive o currículo falam sobre sua postura profissional", avalia.

Alissandra recomenda que se evite inserir fotos fora de contexto no currículo. "De preferência, não coloque foto ou use apenas uma 3x4 que passe mais credibilidade". Além disso,  ela aconselha a cuidar da postura diante das redes sociais, pois elas estão sim no radar das empresas. A pessoa pode ter um bom currículo, mas uma atitude indesejável nas redes a levem a ser eliminada numa seleção. Portanto, a palavra de ordem é bom senso. Evite a falar de pessoas, famosas ou não, ou de empresas na sua timeline, pois isso não agrega valor à sua imagem.

A especialista aconselha observar qual o tipo de liderança de sua chefia direta,m se existe uma hierarquia mais pronunciada ou se a empresa adota um modelo de gestão mais moderno e participativo. Em todo caso, é preciso tentar adaptar-se para que sua carreira se desenvolva. E mesmo no caso de não adaptação, saber sair de um emprego é muito importante. "Os valores que você passar com sua atitude vão ser o registro de sua imagem profissional para sempre", adverte.

Redes sociais

A especialista recomenda muito cuidado com a forma de se posicionar nas redes, evitando comentários que possam ser considerados machistas, racistas ou homofóbicos, que não são mais tolerados por recrutadores e gestores, pois as empresas não querem associar suas imagens a profissionais com esse perfil. O mundo mudou e o respeito à diversidade é pré-requisito de conduta. Também esteja atento com marcações em fotos em situações constrangedoras. Existem formas de fechar a privacidade dessas postagens. É preciso cuidar de sua postura diante das redes sociais, pois elas estão no radar das empresas. Ou seja, a pessoa pode ter um excelente currículo mas uma atitude indesejável nas redes que a leve a ser eliminada numa seleção. Portanto, a palavra de ordem é bom senso. Evite falar mal de pessoas, famosas ou não, ou de empresas na sua timeline, pois isso não agrega valor nenhum à sua imagem. 

Entrevista de emprego

"Existem algumas dicas de como se comportar diante de um entrevistador. Você normalmente não estará concorrendo à vaga sozinho, portanto ele terá um parâmetro de comparação. Você deve pesquisar sobre a empresa com antecedência para saber se ela é mais formal ou informal. Se conhecer alguém dessa empresa, pergunte a ela mais informações, para se adequar a essa cultura", aconselha. Segundo a psicóloga, o perfil da empresa para a qual o candidato está concorrendo à vaga vai determinar, por exemplo, o tipo de roupa mais adequada. Se for uma empresa mais tradicional, prefira vestir-se de maneira formal. Se for uma empresa mais informal, vá de forma despojada. Se você não conhecer o perfil da empresa, é preferível usar trajes formais, pois não correrá o risco de errar o dress code. Outra dica é evitar inserir fotos fora de contexto no currículo. De preferência, não coloque foto ou use apenas uma 3x4 que passe mais credibilidade. 

Ambiente de trabalho

"Tudo que você fizer vai ser observado pelos seus líderes, seus pares e a área de RH vai ficar atenta para entender se a escolha do processo seletivo combina com a empresa. Nesses meses iniciais, minha recomendação é: observe, veja como as pessoas se comportam, conheça a cultura da empresa", comenta Alissandra. Segundo ela, é preciso continuar a zelar pela postura profissional no seu ambiente de trabalho. "Não estrague sua imagem. Mesmo que você não fique nessa empresa, as referências dela vão ser importantes para sua carreira.

A especialista recomenda observar qual o tipo de liderança de sua chefia direta, se existe uma hierarquia mais pronunciada ou se a empresa adota um modelo de gestão mais moderno e participativo. Em todo caso, é preciso tentar adaptar-se para que sua carreira na empresa se desenvolva. E mesmo no caso de não adaptação, saber sair de um emprego também é muito importante. "Os valores que você passar com sua atitude vão ser o registro de sua imagem profissional para sempre", aconselha Alissandra.

[1250] Carteira de Trabalho
[1250] Carteira de TrabalhoFoto: Marcelo Casal J.r/Ag. Brasil /arquivo

A Secretaria de Trabalho, Emprego e Qualificação (Seteq) divulgou o quadro de vagas das Agências Estaduais do Trabalho para a próxima segunda-feira (1º) de julho 2019. Há oportunidades em duas partes: em vermelho, as vagas para Pessoa Com Deficiência (PCD) e em preto aos demais.

Confira os endereços e telefones das Agências do Trabalho no site da Seteq.

Telefone da Agência da Boa Vista: 3183.7065

vagas1
vagas2
vagas3

Porto Digital
Porto DigitalFoto: Paullo Allmeida/Folha de Pernambuco/arquivo

Na próxima segunda-feira (1º), serão encerradas as inscrições na chamada do Mind The Bizz - programa do Porto Digital e SEBRAE/PE de apoio ao empreendedorismo inovador com oficinas, mentoria e coaching para startups. A segunda seleção de 2019 contará com turmas no Recife e em Garanhuns, no Agreste pernambucano. Para participar, os empreendedores interessados devem consultar a chamada e preencher o formulário de inscrição.


O Mind the Bizz é um programa que abrange startups e empreendimentos criativos que tenham o propósito de desenvolver inovação em produtos ou serviços nas áreas de Serviços, Cidades, Economia Criativa, Comércio, Indústria, Agronegócio, Serviços Públicos, Saúde, Finanças e Impacto Social. Composto por duas etapas, o processo seletivo se divide em qualificação das propostas e o pitch day. O resultado final será divulgado no dia 9 de julho para a seletiva no Recife e 16 de julho para a de Garanhuns.


Como forma de dar oportunidade de novos acessos ao programa e garantir sua diversidade e pluralidade, até três startups estarão isentas de 80% da taxa de pagamento. Para se enquadrar, é necessário que toda equipe seja formada exclusivamente por mulheres ou pelo menos 60% da equipe seja de empreendedores com renda familiar de, no máximo, dois salários mínimos.

Como funciona o Mind The Bizz

Durante as 10 semanas de duração do programa, os empreendedores irão construir o Plano de Desenvolvimento do Negócio, que irá orientar o enfoque a ser dado nas capacitações e acompanhamentos (consultoria e mentoria) para inserir o negócio no mercado e buscar as condições para o seu desenvolvimento após o Mind the Bizz. O programa está baseado em metodologias apropriadas para o desenvolvimento de negócios inovadores, como o Business Model Canvas, Customer Development e Design Thinking.

Serviço

Chamada do Mind the Bizz

Inscrições até 1º/07
Divulgação dos Projetos Selecionados (Recife): 09/07
Divulgação dos Projetos Selecionados (Garanhuns): 16/07
Início do Programa Mind the Bizz (Recife): 12/07/2019
Início do Programa Mind the Bizz (Garanhuns): 19/07/2019
Formulário de inscrição: http://bit.ly/MTB2019_Inscricao
Chamada: http://bit.ly/Chamada_MTB2019

Pessoas de todas as idades podem se inscrever no curso, que será dividido em três turmas: Kids, de 8 a 13 anos; jovens, de 14 a 29 anos; e a informática para a terceira idade, que atende os maiores de 60 anos.
Pessoas de todas as idades podem se inscrever no curso, que será dividido em três turmas: Kids, de 8 a 13 anos; jovens, de 14 a 29 anos; e a informática para a terceira idade, que atende os maiores de 60 anos.Foto: Divulgação

As inscrições para o curso de informática na Casa das Juventudes do Paulista serão abertas na próxima segunda-feira (1°). Ao todo, 100 vagas serão disponibilizadas, divididas em três turmas: Kids; Jovens e adultos; e informática para terceira idade. Os interessados podem garantir uma das oportunidades até o dia 12 de julho. A Casa das Juventudes fica localizada na Rua Setenta e Sete, em Maranguape II.

Para se candidatar, os interessados devem comparecer ao local, com os seguintes documentos: identidade, CPF, comprovante de residência e número do NIS. O atendimento acontece de segunda a sexta-feira, das 8h às 11h30 pela manhã; e das 14h às 17h no turno da tarde. O curso tem duração de três meses e meio e é totalmente gratuito.

Confira as idades por modalidade

Pessoas de todas as idades podem se inscrever no curso, que será dividido em três turmas: Kids, de 8 a 13 anos; jovens, de 14 a 29 anos; e a informática para a terceira idade, que atende os maiores de 60 anos. O curso é presencial e todos os participantes receberão certificado.

Mais oportunidade

Outra oportunidade para quem deseja realizar cursos, no Paulista, é a Estação da Cidadania, localizada na Rua Cidade Universitária, nº 84, no Janga. No espaço são oferecidos diversos cursos gratuitos voltados para qualificação profissional, artesanato e atividades esportivas. Estão sendo oferecidas aulas de judô, kickboxing, aikidô e jiu jitsu. Para se inscrever, os interessados devem ter a partir de 10 anos de idade. As inscrições também estão abertas para artesanato com 75 vagas disponíveis. Para mais informações sobre as vagas disponibilizadas na Estação da Cidadania, os interessados devem ligar para o telefone 3436. 5188.

Refinaria Abreu e Lima
Refinaria Abreu e LimaFoto: Divulgação/Suape

Circulou pelas redes sociais, na noite desta quinta-feira (26), um card com a informação falsa de que a Prefeitura de Ipojuca estaria recebendo currículos para as vagas de empregos abertas para a Refinaria Abreu e Lima, contendo logomarca da Prefeitura. A gestão municipal divulgou nota esclarecendo que não está realizando nenhum tipo de processo seletivo nem recebendo currículos, pois as vagas oferecidas são da empresa privada Engecampo engenharia Industrial, única responsável pelo recrutamento.

As vagas de fato existem, mas os interessados devem procurar informações sobre processos seletivo através da divulgação das vagas nas redes sociais, site e comunicados oficiais da Emgecampo. Segundo a assessoria de imprensa, graças à mobilização da Prefeitura em desmentir a notícia, poucas pessoas compareceram para entregar currículos nesta sexta (28).

Para investigar os responsáveis pela produção e divulgação do material, que configura crime, foi aberto um inquérito junto à Polícia Civil.

Confira o comunicado da Prefeitura de Ipojuca:

"Nota à imprensa

A Prefeitura do Ipojuca comunica a todos que não está realizando nenhum processo seletivo sobre as obras da Refinaria Abreu e Lima, nem de nenhuma empresa privada. Infelizmente está circulando nas redes sociais um comunicado falso, com a logomarca da Prefeitura do Ipojuca, levando as pessoas a acreditarem que a gestão municipal receberá currículos para as vagas que serão abertas na Refinaria. Reafirmamos: não é verdade! É lamentável que existam pessoas que brinquem com o desconhecimento do povo em um momento tão delicado de desemprego. A Prefeitura do Ipojuca vai continuar lutando para atrair empresas e fazer parcerias para gerar mais oportunidade para o nosso povo".

Carteira de Trabalho
Carteira de TrabalhoFoto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

A criação de empregos com carteira assinada teve saldo positivo em maio, com a criação de 32.140 vagas, informa o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgado nesta quinta-feira (27) pelo Ministério da Economia.

O indicador mede a diferença entre contratações e demissões. O saldo positivo em maio foi resultado de 1.347.304 admissões contra 1.315.164 desligamentos ocorridos no período.

É o terceiro ano seguido em que o mês de maio apresenta saldo positivo, apesar de uma ligeira queda no volume total de novas vagas na comparação com o mesmo mês nos anos de 2017 (34,2 mil) e 2018 (33,6 mil).

Para o secretário de Trabalho do Ministério da Economia, Bruno Dalcolmo, o resultado do mês está em sintonia com o desempenho da economia, mas ainda abaixo do desejado.

"A geração de emprego está em linha com o que a economia vem demonstrando, da mesma forma que, nos últimos anos, o crescimento não foi tão grande quanto se gostaria", afirma Dalcolmo. Apesar de a criação de empregos ter diminuído no mês passado, na comparação com anos anteriores, Dalcolmo não vê tendência de queda.

"Não há tendência nem de subida, nem de descida [na geração de empregos]. Significa uma economia que está um pouco em compasso de espera, a ser definido por outros pontos importantes como a reforma da Previdência."

Do acumulado do ano, foram criados mais 351.063 postos de trabalho, o que elevou para 38,761 milhões o estoque de empregos formais no país. É o maior estoque desde 2016, quando o Caged registrou 38,783 milhões de empregados com carteira assinada.

Destaques

O crescimento do número de vagas em maio foi impulsionado pela agropecuária, setor que registrou, sozinho, a abertura de 37.373 empregos. O cultivo do café e da laranja responde pela maior parte das contratações, cerca de 33 mil. Também aparecem com destaque atividades de apoio à agricultura e a criação de bonivos.

"Esse resultado se explica também, como nos outros anos, pelo bom desempenho de café e laranja. São empregos que têm importância sazonal nesse mês, especialmente em Minas Gerais e em São Paulo", explica o subsecretário de Políticas Públicas e Relações de Trabalho do Ministério da Economia, Matheus Stivali.

Na construção civil, foram abertos 8.459 empregos, principalmente em obras de construção de rodovias e ferrovias, projetos para geração e distribuição de energia elétrica e instalações elétricas. Em seguida, aparece o setor de serviços, com saldo positivo de 2.533 novas vagas, destaque para serviços médicos e odontológicos, ensino, comercialização e administração de imóveis e instituições de crédito e seguros. Administração pública (1.004) e extração mineral (627) também registraram resultado positivo.

No comércio, tanto varejista quanto atacadista, porém, houve mais demissões do que contratações, com o fechamento de 11.305 postos de trabalho. Em seguida, aparece a indústria de transformação, que fechou 6.136 empregos. Segundo Stivali, o resultado no comércio explica -se pelo fechamento de duas grandes empresas de terceirização em São Paulo, que demitiram um grande número de empregados.

O salário médio de admissão no mês de maio foi de R$ 1.586,17, e o salário médio de quem foi demitido, de R$ 1.745,34 no mesmo período.

Regiões

No recorte geográfico, quatro das cinco regiões do país tiveram saldo positivo na geração de empregos, com destaque para o Sudeste, que respondeu por 29.4 mil empregos, seguido por Centro-Oeste (6.148), Norte (4.110) e Nordeste (3.319). A exceção foi a Região Sul, que terminou o mês com o fechamento de 10.935 vagas formais de emprego.

comece o dia bem informado: